Ex-goleiro do River é assassinado em frente à boate; atacante é o principal suspeito

  • Por Jovem Pan
  • 23/07/2018 10h48
Reprodução

Uma briga no estacionamento de uma boate na região metropolitana de Buenos Aires, Argentina, acabou com a morte do ex-goleiro do River Plate Facundo Espíndola, de 25 anos. A polícia argentina deteve o atacante Nahuel Oviedo, principal suspeito de deferir o golpe com uma faca no peito de Espíndola.

Segundo o diário Olé, a briga começou por volta das 6h30 dessa segunda-feira (23) na porta de uma balada em Hurlingham. A confusão se arrastou para uma rua próxima, e entre socos e pontapés, o goleiro foi golpeado, tentou caminhar alguns metros, mas não resistiu.

O atacante suspeito adentrou seu carro e acelerou para longe da cena do crime. Entretanto, foi detido pela polícia local minutos depois. Oviedo, atualmente no San Telmo, já tem um passado conhecido pelos policiais. Ele é fichado por roubar uma residência e por agredir uma policial.

O goleiro assassinado estava sem clube. Espíndola passou por Chicarita Juniors, River Plate, Lanús e Almagro.

A polícia, que segue investigando o caso, ainda não emitiu nenhum comunicado oficial.