Firmino desencanta, Liverpool vence e recebe a taça do Campeonato Inglês

Time bateu o Chelsea, que ainda perseguia a classificação para a Liga dos Campeões, por 5 a 3

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2020 19h11
EFE/EPA/Paul EllisLiverpool recebeu a taça de campeão do Campeonato Inglês

O Liverpool, enfim, recebeu a taça do Campeonato Inglês. Em um jogo movimentado, marcado por oito gols e belos lances, o time derrotou o Chelsea por 5 a 3, nesta quarta-feira, pela 37ª e penúltima rodada do Campeonato Inglês. O título foi garantido no mês passado, com seis rodadas de antecedência.

Com 31 vitórias em 37 partidas, o time chegou aos 96 pontos no campeonato. Já os Blues perderam a chance de assegurar a classificação para a próxima edição da Liga dos Campeões. Com 63 pontos, o Chelsea está na quarta colocação, e só precisava de um empate, já que o Manchester United empatou com o West Ham por 1 a 1 mais cedo.

Em um Anfield vazio, os anfitriões, irregulares após a confirmação do título, começaram o jogo melhor e chegaram a abrir 3 a 0 no primeiro tempo. O primeiro gol saiu aos 22 minutos. Após o erro na saída de bola de Chelsea, Keita roubou a bola de Willian e acertou um forte chute de fora da área, no ângulo esquerdo, sem chances para o goleiro Kepa.

Aos 37 minutos, Alexander Arnold marcou em cobrança de falta. Cinco minutos depois, Wijnaldum encheu o pé e fez mais um. Pouco antes do intervalo, Giroud descontou para o Chelsea, com um carrinho para as redes.

No segundo tempo, Firmino desencantou. O brasileiro, que não marcava desde março de 2019 no Inglês, aproveitou o cruzamento de Alex Arnold e acertou uma cabeçada direto para as redes. O Liverpool reduziu o ritmo após o quarto gol, e o Chelsea aproveitou para tentar uma reação.

O americano Pulisic ganhou uma chance no time, e aos 15, fez fila pela esquerda, invadiu a área e cruzou rasteiro para Abraham só completar para as redes. Ele também anoto o terceiro gol dos visitantes. Aos 27, dominou dentro da área, girou com tranquilidade e encheu o pé, diminuindo a vantagem dos anfitriões.

O gol deu novas esperanças ao Chelsea, que sonhava com o empate para garantir a vaga na Liga dos Campeões. Mas, aos 37, o Liverpool iniciou forte contra-ataque, que culminou em cruzamento de Robertson, pela esquerda. A bola atravessou toda a área até chegar em Oxlade-Chamberlain, que não perdoou.

Após o apito final, a organização da Premier League promoveu cerimônia de premiação no gramado do Anfield, com a presença de ídolos da história do Liverpool. O último título inglês da tradicional equipe havia sido conquistado na temporada 1989-1990, antes do início da era Premier League.

* Com Estadão Conteúdo