Kaká e João Félix, do Atlético de Madrid, conversam por live no Instagram

  • Por Jovem Pan
  • 13/05/2020 18h44
ReproduçãoPromessa de Portugal, João Félix tem Kaká como maior ídolo

Kaká e o atacante João Félix, do Atlético de Madrid, conversaram em uma chamada de vídeo pelo Instagram. Ídolo do português, o ex-jogador aconselhou e falou entre a rivalidade entre o time com seu ex-clube, o Real Madrid.

“A rivalidade entre o Real Madrid e o Atlético é muito grande. Quando eu estava no Real, o Atlético conquistava um título havia muito tempo. O clube passou por uma grande transformação com a chegada de (Diego Pablo) Simeone, mas a rivalidade sempre foi muito grande. É bom disputar partidas clássicas”, contou Kaká, que se aposentou em 2017, quando atuava no Orlando City, dos Estados Unidos.

João Félix foi contratado pelo Atleti em 2019, e se transformou na transação mais cara da história do clube. Revelado pelo Benfica, ele concedeu uma entrevista ao site Bleancher Report, dos Estados Unidos, logo após fechar contrato, e confessou que quando criança se inspirava no brasileiro. “Tinha seu pôster em meu quarto e jamais poderia esperar que poderia conversar com você”, disse para Kaká.

Kaká defendeu o Real Madrid em quatro temporadas, de 2009 a 2013. Seu auge foi no Milan, em 2007, quando foi eleito o melhor do mundo. Sua experiência rendeu conselhos ao mais jovem. “O mais importante é entender como as coisas funcionam, como o jogo é, há muitas diferenças. Em alguns lugares a tática é mais importante, em outros, a técnica. Você tem que entender o clube, o que o Atlético representa na Espanha e no cenário mundial”.

Aos 20 anos, João Félix revelou ao ídolo que seu sonho é vencer a Liga dos Campeões e a Bola de Ouro, assim como Kaká. “Você conquistou em um ano o que os outros estão tentando fazer em toda a sua carreira”, exaltou.

João Félix também quis saber sobre a relação do brasileiro com Rui Costa, que vestiu a camisa do Milan entre 2001 e 2006. “Rui foi espetacular! Ele me ajudou em tudo, mesmo quando eu jogava na mesma posição que ele”, lembrou Kaká.

* Com EFE