Maradona compara seleção argentina com filmes de terror

  • Por Jovem Pan
  • 24/03/2019 13h57
EFEMaradona acompanhou a Argentina na Copa do Mundo de 2018

Maior ídolo da seleção argentina, Diego Maradona mostrou novamente como está insatisfeito com a equipe. Em entrevista à emissora Tyc Sports, ele chegou a dizer que nem viu a derrota para a Venezuela porque considera que é um filme de terror.

“Argentina? Não vejo filmes de terror. Eu sou muito argentino e me sinto parte de outra geração de técnicos e jogadores. O que estão pensando Ruggeri, Batista, Giusti, Pumpido, Caniggia? Que esta equipe não merece essa camisa. Esses que nomeei levam a camisa tatuada. Temos ela tatuada”, afirmou o técnico do clube mexicano Dorados.

Maradona acredita que a Argentina está nesta situação por causa do presidente da AFA: “não sei o que será do Tapia, se será professor de matemática ou o que, mas sei que não tem ideia nenhuma. Lamento pelos argentinos que seguem acreditando nestes mentirosos. Os dirigentes que deveriam começar a fazer as coisas direito. Lamento os jogadores que tem que pôr a cara quando não deviam por”.

Depois de perder para Venezuela, a Argentina tentará se recuperar na partida amistosa contra Marrocos, nesta terça-feira (26), às 16h (de Brasília).