Terremoto assusta seleção do Chile e cancela amistoso contra Japão

  • Por EFE
  • 06/09/2018 08h46
Anders Wiklund/EFEReinaldo Rueda, ex-técnico do Flamengo, comando o Chile agora

A seleção chilena foi surpreendida, nesta quinta-feira (6), pelo forte terremoto que sacudiu a ilha de Hokkaido, no norte do Japão, onde estava concentrada para jogar um amistoso contra os donos da casa. A partida foi cancelada por causa do acontecimento.

A delegação sul-americana informou em sua conta do Twitter que jogadores e comissão técnica “se encontram em perfeitas condições”, depois que um terremoto de 6,7 graus na escala Ritcher atingiu a região às 3h08 (hora local).

A Associação de Futebol do Japão (JFA, sigla em inglês) decidiu suspender a partida amistosa entre as seleções japonesa e chilena, prevista para acontecer exatamente na ilha de Hokkaido.

“Esta decisão foi tomada tendo em consideração a gravidade dos danos e o impacto significativo em infraestruturas básicas como eletricidade e transporte, e também para garantir a segurança dos espectadores”, explicou a JFA, através de um comunicado.

A JFA também expressou suas condolências às vítimas do forte terremoto em Hokkaido, que deixou pelo menos dois mortos e 140 feridos, enquanto cerca de 40 pessoas continuam desaparecidas, segundo os últimos números oficiais publicados pela imprensa local.

Os chilenos têm mais um amistoso marcado na Ásia. Na próxima terça-feira, a adversária será a Coreia do Sul, em Suwon.