Goleiro Bruno é especulado no Picos (PI); clube nega interesse em nota: ‘Fake news’

  • Por Jovem Pan
  • 30/01/2020 16h47 - Atualizado em 30/01/2020 16h47
Uarlen Valério/O Tempo/Estadão Conteúdo Goleiro Bruno

O futuro profissional do goleiro Bruno, que cumpre pena em regime semiaberto, ainda segue uma incógnita. Informações surgiram nos últimos dias que o Picos, vice-líder do Campeonato Piauiense, estaria interessado no jogador. Em nota, o clube negou que tenha cogitado a contratação do condenado.

“A Sociedade Esportiva de Picos (SEP) informa que nunca houve contato por parte da diretoria para contratação do goleiro Bruno Fernandes de Sousa. A informação que circula nas redes sociais e site de notícias se trata de uma fake news. A especulação partiu de torcedores, mas não houve contato por parte do Zangão. O elenco está formado, e no momento não há discussões sobre novas contratações. A SEP reitera que preza pelos princípios sólidos, boa conduta dentro e fora de campo”, publicou em sua rede social

Bruno já teve o nome especulado em dois clubes no início deste ano. Fluminense de Feira de Santana e Operário-MT desistiram por conta da perda de patrocínio e protesto de torcedores. Agora, o goleiro está negociando com o São Paulo-AP. O clube ainda não se manifestou oficialmente sobre as conversas.

Bruno foi condenado em 2013 a 20 anos e nove meses de prisão pelo assassinato de Eliza Samudio, sequestro e cárcere privado do filho, Bruninho.