Inter identifica homem que assediou jornalista no Beira-Rio

  • Por Jovem Pan
  • 04/04/2019 14h49 - Atualizado em 04/04/2019 14h57
Reprodução/ InstagramLaura Gross relatou que ficou chocada com o que ocorreu perto do estádio do Inter

A jornalista Laura Gross, da Rádio Guaíba, revelou no Twitter que sofreu assédio nesta quarta-feira (3), antes do empate entre Internacional e River Plate, no Estádio Beira-Rio, pela Copa Libertadores. O time colorado lamentou a situação e agora revelou que já identificou quem fez isso.

Primeiro Laura relatou que um homem de São Miguel do Oeste foi até ela pedindo para dar entrevista. Mas depois ele disse que ia se aproveitar da situação e tentou beijá-la duas vezes. A jornalista teve dificuldades, mas conseguiu evitar o beijo na boca. Mas contou que ficou chocada, não conseguiu trabalhar direito e pediu o fim desses acontecimentos, que infelizmente são muito frequentes no futebol.

Marcelo Medeiros, presidente do Inter, repudiou o ocorrido no Twitter e anunciou que iria tentar encontrar o responsável. Menos de 3 horas depois, ele usou a mesma rede social para dizer que o homem foi identificado e pode ser excluído do quadro social do Colorado.