Meia do River Plate recebe ordem de prisão na véspera de decisão pela Libertadores

  • Por Jovem Pan
  • 28/08/2019 12h06
Reprodução/TwitterNicolás De La Cruz recebeu ordem de prisão da Justiça do Paraguai

O River Plate pode ter um desfalque de última hora para a partida diante do Cerro Porteño, marcada para amanhã (29), no Paraguai, pela Libertadores. Durante a concentração da equipe nesta quarta-feira (28), o meio-campista Nicolás De La Cruz recebeu voz de prisão da justiça local por ter agredido policiais há três anos.

Na época, De La Cruz defendia o Liverpool (Uruguai) quando se envolveu em uma confusão. Na partida diante do São Paulo, em jogo válido pela final da Copa Libertadores sub-20, em Assunção, o jogador foi expulso da partida por chutar um adversário. No entanto, antes de deixar o campo, ele e outros quatro companheiros brigaram com policiais. (Veja o vídeo abaixo).

Pouco depois do conflito, o fiscal Emilio Fruster abriu um inquérito por “resistência à autoridade”. Como o jogador não voltou ao país desde então, a Justiça considerou a ausência de De La Cruz como um “ato de rebeldia”.

Hoje, oficiais da polícia cumpriram a ordem emitida por Alcides Corbeta, que falou à “Tyc Sports” se irá liberar o jogador ou não para o duelo contra o Cerro.

“Ele tem que testemunhar perante o Ministério Público primeiro. Ele tem que dar uma declaração e, em seguida, o Ministério Público torna disponível ao meu tribunal para que eu possa decidir o que corresponde. O fato que é atribuído a ele é a resistência que tem uma penalidade de dois anos ou multa. Tenho que decidir se dou liberdade a ele ou não. Para essa penalidade, a liberação é possível. Nós faremos o que for apropriado”, disse.

Já Adrián Leiza, advogado do River Plate disse que a ordem judicial não faz sentido.

“Não é lógico o que está acontecendo com De la Cruz. A justiça paraguaia nunca se comunicou com o Liverpool. Fiz a defesa do Liverpool na época e a Conmebol arquivou o caso. É incomum o que acontece. Eu estava lá e não nada aconteceu. Foi um cruzamento entre garotos”, falou também à emissora “Tyc Sports”.

No jogo de ida, na Argentina, o River Plate bateu o Cerro Porteño por 2 a 0. Quem passar, enfrenta o vencedor do duelo entre Boca Juniors e LDU.