Neymar se manifesta após acusação de estupro ser arquivada: ‘Não estou feliz, mas sim aliviado’

  • Por Jovem Pan
  • 09/08/2019 11h05 - Atualizado em 09/08/2019 11h16
EFE / YOAN VALATNeymar, atacante do PSG

Neymar se manifestou hoje após a acusação de estupro da modelo Najila Trindade ser arquivada pelo Ministério Público, na última quinta-feira (8). Através de seu Instagram, o atacante admitiu estar mais “aliviado” com a decisão, mas revelou que o caso foi doloroso e que jamais será esquecido.

“Esse vai ser um capítulo jamais esquecido na minha vida por muitos motivos, o principal deles “ O DANO” causado em mim, na minha família e nas pessoas que realmente me conhecem. Vou ser sincero e não vou dizer que estou feliz, mas sim aliviado. A cicatriz vai continuar pra me lembrar o quanto o ser humano é capaz de fazer coisas boas mas também de fazer coisas RUINS!”, escreveu o jogador do Paris Saint-Germain.

O atleta disse que está na hora de se reerguer após o processo, afirmou apoiar as vítimas de quem é acusado injustamente e das mulheres que “realmente são violentadas”.

“Sim, meu mundo desabou e fui pro chão … mas como diz uma lenda no jiu-jítsu “para muitos o chão é o fim de tudo, pra nós é só o começo”
Que seja o começo não só pra mim, mas pra todos que sofreram esse tipo de falsa acusação e PRINCIPALMENTE pra toda MULHER que é REALMENTE vítima deste ato. O meu desejo é que vocês sejam fortes, lutem e consigam tudo que todas vocês merecem! Obrigado Deus POR TUDO, sempre”, finalizou.

Ontem, a Justiça arquivou o processo contra Neymar não haver provas suficientes do que foi alegado pela própria vítima. A juíza Ana Paula Gomes Galvão Vieira de Moraes, da Vara da Região Sul 2 de Violência Doméstica e Familiar, acatou o pedido do Ministério Público de São Paulo.

Apesar disso, Neymar ainda não é considerado inocente. Caso haja novas provas e evidências, o inquérito poderá ser reaberto.

View this post on Instagram

Esse vai ser um capítulo jamais esquecido na minha vida por muitos motivos, o principal deles “ O DANO” causado em mim, na minha família e nas pessoas que realmente me conhecem. Vou ser sincero e não vou dizer que estou feliz, mas sim aliviado. A cicatriz vai continuar pra me lembrar o quanto o ser humano é capaz de fazer coisas boas mas também de fazer coisas RUINS! Sim, meu mundo desabou e fui pro chão … mas como diz uma lenda no jiu-jítsu “para muitos o chão é o fim de tudo, pra nós é só o começo” Que seja o começo não só pra mim, mas pra todos que sofreram esse tipo de falsa acusação e PRINCIPALMENTE pra toda MULHER que é REALMENTE vítima deste ato. O meu desejo é que vocês sejam fortes, lutem e consigam tudo que todas vocês merecem! Obrigado Deus POR TUDO, sempre ??❤️

A post shared by 3n310ta ?? ? neymarjr (@neymarjr) on

Relembre o caso Neymar

A modelo Najila Trindade acusou Neymar de agressão e estupro em um hotel em Paris, após os dois terem se conhecido por meio de redes sociais. O jogador pagou as passagens para que Najila fosse lhe visitar na França. O casal teria se encontra e a modelo acusa Neymar de tê-la violentado.

Najila marcou um segundo encontro com Neymar no dia seguinte ao suposto estupro e gravou. Parte das imagens vazaram e mostram a moça agredindo o jogador. A defesa da modelo afirmou que existia um vídeo de 7 minutos que provaria sua versão, porém, essas imagens nunca apareceram.

A modelo prestou queixa contra Neymar e abriu um boletim de ocorrência. Durante depoimento, Najila afirmou que pediu para Neymar parar o ato sexual e que ele forçou uma relação sem camisinha. A mulher disse também que os tapas que deu em Neymar foram um revide pelas agressões sofridas no dia anterior.

Para se defender das acusações, Neymar divulgou um vídeo em seu Instagram em que mostra as conversas que teve com Najila e as fotos que recebeu da modelo.

“Eu estou sendo acusado de estupro. É uma palavra pesada, é uma coisa muito forte, mas é o que está acontecendo no momento. (…) Muito triste escutar isso, porque quem me conhece sabe do meu caráter, sabe da minha índole, sabe que eu jamais faria uma coisa desse tipo”, disse no vídeo.

No dia 13 de junho, Neymar foi a 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, no bairro de Santo Amaro, zona sul de São Paulo, e prestou depoimento sobre o caso. As promotoras do caso afirmaram em coletiva após o encontro com o jogador que ele negou o estupro e respondeu todos os esclarecimentos.