Operário-MT é mais um clube a desistir da contratação do goleiro Bruno

  • Por Jovem Pan
  • 22/01/2020 16h05
Renata Caldeira/TJMG

O acerto entro o goleiro Bruno e o Operário-MT acabou não dando certo. Depois de conseguir a liberação da Justiça para deixar a cidade de Varginha (MG), onde está cumprindo pena no regime semiaberto pelo homicídio da ex-namorada, Eliza Samudio, sequestro e cárcere privado do filho, Bruninho, o jogador se preparava para mudar de domicílio. Tudo parecia estar caminhando bem, o clube iria até fretar uma avião para que o atleta pudesse ir assinar contrato.

A situação mudou nesta quarta-feira (22). Em nota divulgada, o Operário-MT anunciou que está revendo a contratação do goleiro Bruno. Patrocinadores do clube resolveram suspender seus contratos devido a repercussão negativa. Torcedores da equipe e moradores da cidade também protestaram contra a chegada do goleiro.

NOTA OFICIAL!!

Posted by Operário Várzea-Grandense on Wednesday, January 22, 2020

A Prefeitura de Várzea Grande (MT) preferiu não se envolver na polêmica e disse que “não é de sua alçada interferir nas decisões do clube Operário, que é uma empresa privada”.