Felipão reestreou no Palmeiras em jogo contra América-MG, mas times devem ter 11 mudanças

  • Por Jovem Pan
  • 21/11/2018 08h39 - Atualizado em 21/11/2018 08h42
Palmeiras/ DivulgaçãoWesley enfrentou Palmeiras no 1º turno, mas não será titular desta vez

Quando voltou ao Palmeiras, neste ano, o primeiro jogo de Felipão no comando foi contra o América-MG. Aquela partida aconteceu no Estádio Independência, pelo Campeonato Brasileiro, e terminou empatada por 0 a 0. Nesta quarta-feira (21), os times vão se reencontrar, mas é provável que a partida seja bem diferente. Só na escalação já devem acontecer 11 mudanças.

Naquela partida o Palmeiras poupou titulares porque iria enfrentar o Cerro Porteño pela Copa Libertadores, 3 dias depois. Então Felipão escalou um time misto, com Weverton; Mayke, Luan, Thiago Martins e Victor Luís; Thiago Santos e Moisés; Jean, Lucas Lima e Hyoran; Borja.

Destes jogadores, é provável que apenas 6 estejam no time titular desta quarta. A provável escalação tem Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Victor Luís; Felipe Melo e Bruno Henrique; Willian, Moisés e Dudu; Borja.

No América-MG as mudanças são ainda mais profundas, afinal houve até troca de técnico. Naquela época o time era treinado por Adilson Batista. Nesta quarta, o comandante será Givanildo Oliveira. No 1º turno o Coelho estava surpreendendo, com uma boa campanha. Depois teve uma queda e está na zona de rebaixamento atualmente.

Então o time titular teve muitas mudanças. É provável que apenas 5 jogadores do time do 1º turno sejam mantidos. É o goleiro João Ricardo e mais 4 defensores. O ataque será totalmente diferente. A provável escalação tem João Ricardo; Norberto, Messias, Matheus Ferraz e Carlinhos; Leandro Donizete, Juninho e Christian; Matheusinho, Luan e Rafael Moura

Para ser campeão nesta quarta, o Palmeiras precisa que o placar também seja diferente. Afinal, com um empate por 0 a 0, não há chance do Verdão garantir o título com antecedência. A equipe precisa vencer e torcer para que Flamengo e Internacional não vençam seus jogos contra Grêmio e Atlético-MG, respectivamente.