Felipe Melo comemora 100º jogo pelo Palmeiras: ‘prova de que tenho palavra’

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2019 17h30 - Atualizado em 25/03/2019 17h43
César Greco/Agência Palmeiras/Divulgação No sábado, Felipe Melo completou 100 jogos com a camisa do Palmeiras

No Palmeiras desde 2017, Felipe Melo completou no último sábado (23), no empate em 1 a 1 com o Novorizontino, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, a sua 100ª partida com a camisa alviverde. E nesta segunda-feira (25), o volante concedeu uma entrevista à TV Palmeiras e comemorou a marca alcançada.

“É uma prova que eu tenho palavra. Quando cheguei, falei que queria fazer história aqui no Palmeiras, com títulos e agora com também com essa marca de 100 jogos. Só no Galatasaray eu passei dos 150, quase 200 jogos”, afirmou o camisa 30, que durante sua passagem pelo futebol europeu, defendeu o clube turco por quatro temporadas.

Felipe Melo também destacou a identificação que ele criou com o clube alviverde, que segundo o volante o “abraçou no momento em que mais precisava” e disse que levará esse sentimento para “o resto da vida”. “O clube me abraçou, me deu a mão no momento em que mais precisei. Isso me emociona bastante. Por isso levarei para o resto da vida”, comentou.

O volante fez elogios ao atual momento do Palmeiras, que vem se destacando e brigando por títulos em praticamente todas as competições que participa. Para o camisa 30, assim como aconteceu com ele ao longo de sua carreira, o “protagonismo” incomoda os torcedores adversários e críticos.

“O Palmeiras é gigante e isso incomoda. Faço parte de um clube que tem milhões e milhões de torcedores e, conforme a equipe vai crescendo e alcançando os objetivos, a tendência é que aumente também o número dos que torcem contra. Ano passado, ficamos 23 jogos invictos e comentavam que o time jogava feio. Enfim, eu gosto disso e isso me dá forças”, disse.

Por fim, o palmeirense afirmou que está confiante para a temporada: “As pancadas que tomamos nos últimos anos nos fizeram crescer e espero que seja mais um ano de glórias. Assim como em 2018, o intuito é chegar em todas as frentes e tentar levantar mais troféus. O primeiro passo era classificar no Paulista e o segundo agora é passar do Novorizontino”, concluiu.