Geromel prega respeito ao Palmeiras, mas avisa: ‘Grêmio é difícil de ser batido em casa’

  • Por Jovem Pan
  • 20/08/2019 13h52
Lucas Uebel / Grêmio FBPAPedro Geromel, zagueiro do Grêmio

Pedro Geromel sabe da dificuldade de enfrentar o Palmeiras, adversário desta terça-feira (20), às 21h30, na Arena Grêmio, no confronto de ida das quartas de final da Taça Libertadores. Ainda assim, em entrevista ao canal oficial da competição, o zagueiro fez questão de exaltar o poder do Tricolor Gaúcho jogando em casa.

“Eles têm grandes jogadores, nosso time jogando aqui é muito difícil de ser batido com o apoio da torcida, a gente joga um futebol atraente, um futebol bonito, a gente joga sempre pra ganhar independentemente do adversário, então tem tudo para ser um grande espetáculo”, analisou Geromel.

Geromel também lembrou da fama de “copeiro” do Grêmio, que é tricampeão do torneio sul-americano.

“Jogos de mata-mata a gente cresce muito. Temos mostrado isso na Copa do Brasil, além de ser o time que mais ganha na Libertadores. A gente quando chega nessa competição nosso time cresce, e com competições neste formato, facilita muito para chegar a uma decisão. Não sei se é o mais copeiro, mas a gente gosta muito dessa competição”, afirmou.

O capitão do “Imortal”, por outro lado, tratou de reconhecer as qualidades do adversário e elogio Luiz Felipe Scolari, treinador do Verdão e seu ex-comandante.

“Acho que o Palmeiras, assim como o Flamengo, fez investimentos milionários, estão muito bem organizados, estão se permitindo fazer isso. E vai ser um grande jogo”, disse o defensor.

“A gente não pode ser presunçoso para achar que sabe o que ele [Felipão] vai fazer porque ele sabe muito, tem muita experiência. Aprendi muito com ele, ele me ajudou bastante, sou muito grato a ele também. Temos de ter o respeito, é a palavra chave para enfrentar esse Palmeiras”, completou.

O embate de volta entre Grêmio e Palmeiras está marcado para a próxima terça-feira (27), no Pacaembu. Quem passar, pega o vencedor de Internacional x Flamengo.