Palmeiras terá que improvisar defesa para confronto contra a Ponte Preta

  • Por Jovem Pan
  • 18/03/2019 15h45 - Atualizado em 18/03/2019 16h15
César Greco/Agência Palmeiras/DivulgaçãoLuiz Felipe Scolari terá que escolher entre Felipe Melo, Thiago Santos ou atleta da base

Com Luan se recuperando de uma lesão muscular na coxa esquerda, Gustavo Gómez convocado para a seleção do Paraguai e Antônio Carlos suspenso, o técnico Luiz Felipe Scolari terá problemas para compor o sistema defensivo do Palmeiras no duelo contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira (20), às 21h30min, no Allianz Parque.

O único zagueiro inscrito na competição estadual disponível para o confronto válido pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista é Edu Dracena. Com isso, o comandante alviverde terá que improvisar outro atleta para fazer companhia ao experiente defensor.

A tendência é que Felipão escolha entre Felipe Melo ou Thiago Santos, este que já chegou a ser utilizado como zagueiro em 2016 pelo técnico Cuca. Mas, caso opte por escalar um jogador da função, o técnico palmeirense poderá utilizar também Vitão, que está inscrito na lista B (jogadores da base). Porém, o jovem nunca entrou em campo pelo time principal.

O Palmeiras lidera o grupo B da competição estadual com 22 pontos e ocupa a terceira colocação na classificação geral. Uma vitória diante da Ponte Preta, que não tem mais chances de avançar às quartas de final, pode levar o Verdão a uma posição mais favorável.