Weverton tem inspiração no Palmeiras e sonha com título da Copa Libertadores

  • Por Jovem Pan
  • 26/08/2019 16h29
César Greco/Agência Palmeiras/DivulgaçãoWeverton sonha com título da Libertadores da América

No dia do aniversário de 105 anos do Palmeiras, o goleiro Weverton assistiu a um documentário com depoimentos de ídolos do clube. Ele se inspira nos ex-jogadores para fazer história pela equipe alviverde e sonha em conquistar o título da Copa Libertadores. O time enfrenta o Grêmio nesta terça-feira, às 21h30, no estádio do Pacaembu, em São Paulo, pela volta das quartas de final do torneio continental. O clube alviverde venceu por 1 a 0 o duelo de ida na semana passada e joga por um empate para avançar.

“É um sonho para todo jogador (ganhar a Libertadores). Hoje (segunda-feira) vi um vídeo do Marcos, do Leão, do César Sampaio Eles contando histórias que tiveram no Palmeiras. Arrepia. Eu sonho em contar minha história e quem sabe da Libertadores daqui a alguns anos. Ano passado tivemos chance, agora temos novamente A oportunidade é agora, muito viva, esperamos aproveitar”, afirmou o goleiro, que admitiu pensar já na final da Libertadores que será realizada em Santiago, no Chile.

“Tenho mentalizado desde que começou. É um direito que eu tenho de pensar, de sonhar. Não só eu, toda equipe sonha. Libertadores é especial para todos os jogadores que atuam no Brasil. Ter a oportunidade de disputar e de sonhar com título torna mais especial ainda. A gente vai fazer de tudo para estar em Santiago vivendo esse momento especial”, disse.

Weverton também analisou o Grêmio, rival desta terça-feira. O goleiro acredita que o adversário atuará de forma ofensiva por causa das características e da desvantagem após a derrota em Porto Alegre.

“O Grêmio é sempre ofensivo, joga se movimentando, gosta de jogar com a bola. Temos grande poder de marcação, mas temos grandes jogadores na frente que podem fazer a diferença, como sempre fazem. Temos nos preparado para sair com a classificação. A gente conhece bem os jogadores do Grêmio. Jogadores que se não forem bem marcados vão desequilibrar. Óbvio que vão querer fazer algo diferente, mas nós também estudamos muito eles. Vai ser outra grande partida. Não foi definida a classificação, vai ser muita luta, muito trabalho. Esperamos ter mais um jogo eficiente, de alto nível. O que faz diferença para o Palmeiras é o conjunto”, analisou.

Após a entrevista coletiva de Weverton, a imprensa pôde acompanhar apenas o aquecimento dos jogadores em campo. A provável equipe para o jogo desta terça-feira tem: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique e Gustavo Scarpa; Dudu, Willian e Luiz Adriano.

  • Com informações do Estadão Conteúdo