Para presidente do Grêmio, Gauchão é ‘laboratório’ para retorno dos estaduais

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2020 21h55
ReproduçãoRomildo Bolzan: "Vai ser uma experiência importantíssima a ser feito"

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, avalia que o Campeonato Gaúcho deverá servir como ‘laboratório’ para a retomada das competições no futebol nacional.

A dupla Gre-Nal retomou os treinamentos, ainda que em meio às restrições impostas pela pandemia. Na última quarta-feira, em reunião, todos os times do Campeonato Gaúcho acertaram a possibilidade de o campeonato recomeçar no fim de julho – embora isso dependa do aval das autoridades.

“O Gaúcho talvez seja o laboratório de todos os regionais, porque está muito mais adiantado. E vai ser uma experiência importantíssima a ser feita. Pela primeira vez no país se farão os jogos com monitoramento. Acho que temos uma situação bastante importante, de muita responsabilidade. Dar demonstração de que se pode fazer futebol seguro”, disse à Grêmio TV.

Segundo Bolzan, anda há muito o que definir antes do retorno do estadual, e a orientação das autoridades sanitárias será fundamental diante da possibilidade de restringir os trabalhos.

“Está clara a ideia de que se não for amenizado os focos, se possa fazer uma ou duas praças. Tem que ter o financiamento de transporte dos clubes. Se a FGF tiver suporte, seria fantástico. A outra alternativa é que os ambientes do RS possam nos dar conforto e jogar nas praças nas quais são os jogos. Se tiver segurança em locomoção, logística, habitação principalmente. Mas o tempo vai dizer. Está no cenário de todo mundo jogar em praças reduzidas para concluir o campeonato”, afirmou.

O dirigente esteve no Centro de Treinamento nesta sexta, onde o elenco deu sequência aos trabalhos. Após o treino com bola na quinta-feira, a atividade de sexta foi voltada para o condicionamento físico.

* Com Estadão Conteúdo