Por confusão em final da Libertadores, River é multado e terá que jogar com portões fechados

  • Por Jovem Pan
  • 29/11/2018 21h20
Divulgação ConmebolConmebol definiu nesta quinta, que a segunda partida da final da Libertadores será disputada no dia 9, em Madri

Após anunciar o local da segunda partida da final da Libertadores da América, a Conmebol definiu a punição ao River Plate, que além de pagar multa terá que jogar com portões fechados em 2019, e obrigou o Boca Juniors a entrar em campo no dia 9 de dezembro.

O Boca havia entrado com um pedido para que o River fosse desclassificado, o que daria o título à equipe xeneize. Nesta quinta, porém, a Conmebol descartou esta possibilidade e explicou que o time terá que disputar a segunda partida da final.

Já o River Plate deverá disputar suas duas próximas partidas em casa por competições organizadas pela entidade com os portões fechados. Além disso, será obrigado a pagar uma multa de US$ 400 mil (cerca de R$ 1,54 milhão) pela confusão no Monumental de Núñez.

A final da Libertadores era para ter acontecido no último dia 24. Porém, momentos antes da partida, o ônibus do Boca Juniors foi atacado pela torcida rival e o duelo não pode ser disputado. No primeiro confronto, em La Bombonera, as equipes empataram em 2 a 2.

Com informações de Agência Estado