Preparador de goleiros no tetra da seleção, Wendell Lucena morre aos 74 anos

Além de ter representado a Canarinho nos tempos de jogador, ele atuou nas comissões técnicas nos Mundiais de 1994, 1998 e 2006

  • Por Jovem Pan
  • 23/05/2022 17h34
Reprodução/Twitter/@CBF Preparado de goleiros do tetra, Wendell Lucena morreu aos 74 anos Preparado de goleiros do tetra, Wendell Lucena morreu aos 74 anos

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou que o ex-preparador de goleiros da seleção, Wendell Lucena Ramalho, morreu aos 74 anos nesta segunda-feira, 23. Além de ter representado a Canarinho nos tempos de jogador, ele atuou nas comissões técnicas na Copas do Mundo de 1994, quando a Amarelinha conquistou o tetracampeonato, além dos Mundiais de 1998 e 2006. “Em nome da CBF e de seus colaboradores, desejo muita força aos familiares e amigos nesse momento, na certeza que o Wendell será sempre reconhecido por sua competência e espírito vitorioso”, disse o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Cláudio Taffarel, que trabalhou com Wendell na Copa de 19994, lamentou a notícia. “Fiquei realmente muito triste, porque nós tínhamos um bom relacionamento. Toda vez que eu ia para a Seleção a gente sempre trocava ideia, eu contava as novidades, tudo aquilo que estava acontecendo ali dentro da Seleção com os goleiros, pedia muito a opinião dele também. Foi um treinador que me ajudou bastante na Seleção Brasileira, nós convivemos por muitos anos”, contou Taffarel, que completou: “Eu espero que a família toda possa estar sendo confortada nesse momento difícil. Vejo a repercussão nos grupos de jogadores de 94 e 98, todo mundo bastante triste, chateado. Hoje a gente perde uma grande pessoa. Que Deus o tenha”.