Presidente do Flamengo comenta demissão de Abel e chegada de novo técnico

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2019 16h41 - Atualizado em 29/05/2019 17h01
Flamengo/ Divulgação Rodolfo Landim

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (29) e comentou o pedido de demissão de Abel Braga. Segundo o mandatário rubro-negro, o aumento na pressão nos últimos dias foi o causador da saída do técnico.

“Recentemente houve um crescente descontentamento geral da torcida, por tudo que aconteceu. Entendo que o nível de tolerância que as pessoas têm para aceitar desgastes, como está ocorrendo, difere de pessoa para pessoa. Talvez isso você pode perguntar diretamente ao Abel. Na minha percepção, sem querer fugir da pergunta, acho que ele conversou com a família, e sentiu que o nível de desgaste estava sendo muito alto e pediu para sair”, afirmou Rodolfo Landim.

Com a oficialização da saída de Abel, Marcelo Salles comandará a equipe até a pausa para a Copa América. Landim não quis citar nomes e afirmou que só agora entrará no mercado na busca de um profissional.

“Com relação ao técnico, não tínhamos conversado com ninguém até agora. Vamos conversar com várias pessoas. No momento em que começa a haver um descontentamento com a torcida, é natural empresário procurarem pessoas procuradas ao clube. Batem em diversas portas. Conversas existem, mas oficialmente não teve nada. Tem que falar comigo, e não autorizei nada”, disse.

O mercado flamenguista agitado também foi abordado pelo presidente Rubro-Negro.

“Vocês sabem de tudo, dos movimentos que o Flamengo está fazendo. A gente não costuma comentar, até porque são sigilos que tem com empresários. Mas é óbvio que o plantel tem sido avaliado, e procuramos sempre melhorar o que a gente tem.”, comentou o presidente do Flamengo.