Renato Gaúcho não garante renovação no Grêmio: ‘Não é 100% que ficarei’

  • Por Jovem Pan
  • 06/12/2019 11h37
LUCAS UEBEL/GREMIO FBPARenato Gaúcho pode deixar o Grêmio em 2020

A vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 0, na quinta-feira, em Porto Alegre, foi a última partida de Renato Gaúcho no comando do Grêmio. Pelo menos na temporada de 2019, segundo ele mesmo. O técnico confirmou que está saindo de férias e nem viajará para Goiânia, onde o time, com vários reservas, enfrentará o Goiás, neste domingo, pela rodada final do Campeonato Brasileiro. E não quis garantir que renovará contrato.

“Não estou preocupado com o meu contrato. Ele vai até o dia 20 de janeiro. Não estou dizendo 100% que vou ficar, mas atualmente sou treinador do Grêmio e tenho que ajudar. A gente já vem pensando há muito tempo. Agora, o Klauss (Câmara, diretor de futebol) está buscando os nomes”, afirmou Renato Gaúcho, em entrevista coletiva na Arena Grêmio.

“Sempre procuramos fazer um grupo forte para buscar títulos. No próximo ano não vai ser diferente, mas não vamos fazer loucuras. Já estamos trabalhando há um mês em nomes. Amanhã (sexta-feira) viajo para o Rio de Janeiro e na segunda tenho o curso na CBF. Sabemos qual o rumo queremos e vamos tentar buscar os jogadores que queremos. É uma coisa normal alguns jogadores saírem”, prosseguiu.

Com o final do Brasileirão, o treinador fará um curso exigido pela Conmebol, de cerca de 10 dias, para profissionais poderem trabalhar em competições da entidade. Antes, verá de casa o último compromisso do Grêmio, que estará em campo com vários reservas, especialmente jogadores das categorias de base como Ferreira e Pepê, autores dos gols contra o Cruzeiro.

“Aproveitamos os garotos. Amanhã (sexta-feira) subirão mais sete ou oito. Serão basicamente eles (que jogarão contra o Goiás). Alguns (titulares) estão cansados. Eles estão com fome, querem jogar. É uma grande oportunidade. É importante ter leão com fome, que ele dará frutos. Será uma equipe muito boa domingo”, completou Renato Gaúcho.

O Grêmio soma 65 pontos e retomou o quarto lugar no Brasileirão. Neste domingo, o time será comandado pelo auxiliar Victor Hugo Signorelli na despedida da competição.

*Com informações do Estadão Conteúdo