Rogério Ceni é demitido do Cruzeiro

  • Por Jovem Pan
  • 26/09/2019 17h57
Vinnicius Silva/CruzeiroRogério Ceni

Acabou a breve passagem de Rogério Ceni no Cruzeiro. O trabalho durou 46 dias. O treinador foi demitido, na tarde desta quinta-feira (26), durante reunião na Toca da Raposa. O estopim foi um bate boca com líderes do elenco da Raposa nos vestiários do Castelão, após empate em 0 a 0 com o Ceará. A informação já havia sido adiantada mais cedo pela Rádio Itatiaia.

Dedé pediu a palavra e questionou a decisão da comissão técnica de barrar Thiago Neves. Rogério não teria gostado e foi embora antes do restante do elenco, segundo à rádio.

A relação entre Ceni e os principais líderes do elenco cruzeirense já era conturbada desde a derrota para o Internacional por 3 a 0, na partida de volta da semifinal da Copa do Brasil, que culminou com a eliminação da Raposa. Thiago Neves criticou publicamente as escolhas de Rogério.

Dias depois, após a derrota para o Grêmio em casa por 4 a 1, Rogério rebateu Thiago e disse que o jogador estava chateado por ver “um amigo (Edilson) no banco”.

Rogério Ceni comandou o Cruzeiro em oito jogos. Foram quatro derrotas, dois empates e duas derrotas.