Ronaldinho Gaúcho e Assis são presos no Paraguai

  • Por Jovem Pan
  • 06/03/2020 22h21 - Atualizado em 06/03/2020 22h47
EFENathalia AguilarRonaldinho e seu irmão foram presos por utilizar documentos falsos

O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho e seu irmão, Roberto de Assis, foram presos em Assunção, capital do Paraguai, relatou a imprensa paraguaia.

Após o juiz Milko Valinotti decidir que o craque e seu irmão deveriam continuar sendo investigados no país, em audiência realizada na tarde desta sexta-feira, a Procuradoria Geral do Paraguai solicitou a prisão preventiva dos dois por uso de documentos de conteúdo falso.

A ordem de prisão foi emitida horas depois que a dupla deixou o prédio da Justiça. A prisão preventiva no Paraguai pode durar até 48h, e é decretada quando há risco de fuga. Até então, não havia nenhuma restrição para que eles deixassem o país – eles teriam um voo com destino ao Brasil ainda nesta sexta-feira, segundo informações do jornal ABC Color.

Ronaldinho e Assis foram encaminhados para uma sede da polícia chamada ‘Agrupación Especializada’, onde devem permanecer até que surjam novidades sobre o caso.

[ Em atualização]