Ele é corajoso! Com ‘ousadia’ do estreante Rogério Ceni, Cruzeiro vence líder Santos e sai do Z-4

  • Por Jovem Pan
  • 18/08/2019 17h57
Mourão Panha/Estadão ConteúdoRogério Ceni estreou no comando técnico do Cruzeiro neste domingo, contra o líder Santos, no Mineirão

A estreia de Rogério Ceni no comando técnico do Cruzeiro passou a melhor das impressões. Diante do Santos de Jorge Sampaoli, líder do Campeonato Brasileiro, o time celeste contou com a precoce expulsão de Gustavo Henrique e uma “ousadia” do novo treinador para vencer por 2 a 0, no Mineirão, em jogo válido pela 15ª rodada.

O principal mérito de Rogério Ceni foi a coragem. Com um a mais desde os 3min, o ex-goleiro mostrou apetite e fez uma destemida mudança ainda no primeiro tempo. Aos 24min, ele sacou o lateral-esquerdo Egídio e mandou a campo o centroavante Fred. A alteração deu certo, e foi o próprio camisa 9 quem fez o primeiro gol do jogo, pouco antes do intervalo. Thiago Neves, na segunda etapa, completou o placar.

Esta foi a primeira vitória do Cruzeiro após nove jogos – a última havia sido em 11 de julho, contra o Atlético-MG, pela Copa do Brasil. No Campeonato Brasileiro, a equipe, que chegou aos 14 pontos e passou a ocupar a 16ª colocação, fora da zona de rebaixamento, não triunfava desde a 3ª rodada.

Já o Santos perdeu a segunda partida consecutiva e, apesar de ainda ser líder, desperdiçou a chance de ficar cinco pontos à frente de Flamengo e Palmeiras – ambos estão dois pontos atrás.

Tanto Cruzeiro quanto Santos voltam a campo no próximo domingo. Às 16h (de Brasília), o time alvinegro encara o Fortaleza, na Vila Belmiro. Às 19h, por sua vez, a equipe mineira desafia o CSA, fora de casa.