São Paulo admite problema psicológico após primeiro gol do Atlético-PR

  • Por Jovem Pan
  • 20/04/2018 08h52
Rubens Chiri/ São PauloLiziero cometeu pênalti no 1º tempo

O São Paulo fez um bom 1º tempo contra o Atlético-PR, nesta quinta-feira (19), mas acabou eliminado da Copa do Brasil. De acordo com o técnico e os jogadores do tricolor, isso aconteceu por causa de problemas psicológicos, causados pelo pênalti cometido por Liziero e também pelo jejum de títulos do clube.

O técnico Diego Aguirre foi quem assumiu a queda psicológica do time após sofrer o primeiro gol: “o pênalti mudou o fator psicológico, talvez caímos um pouco”.

O volante Jucilei ficou revoltado com a queda de produção do time após abrir 2 a 0 no placar: “é inadmissível, você está ganhando de 2 a 0 e deixa os caras fazerem dois gols. Não dá para entender. A gente queria tanto essa classificação, mas é levantar a cabeça. É revoltante, queria dar essa alegria para essa torcida, essa classificação. O time começou tão bem, um espírito de jogo, falei que hoje daria, mas mais uma vez fomos eliminados na nossa casa”.

O goleiro Sidão citou a pressão causada pela falta de títulos do São Paulo – a última conquista foi na Copa Sul-Americana de 2012.

“A gente sabe que são anos sem brigar por títulos e vai sobrar para a gente, que está no atual momento. Temos que entender essa responsabilidade de trazer um título para o São Paulo esse ano e aceitar. Quem está com a camisa agora é responsável por trazer título esse ano”, admitiu o goleiro.