São Paulo vence o Athletico fora e se aproxima da ponta do Brasileirão

  • Por Jovem Pan
  • 21/08/2019 21h15
Divulgação/SPFCDaniel Alves em campo pelo São Paulo

O São Paulo venceu o Athletico Paranaense por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (21), na Arena da Baixada, em partida atrasada da 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol do Tricolor foi marcado por Vitor Bueno.

O primeiro tempo na Arena da Baixada foi marcado por muita disposição física, correria e até algumas entradas mais fortes. O futebol não apareceu como destaque nos 45 minutos iniciais. Com Daniel Alves muito bem marcado, o São Paulo praticamente não atacou. Mas no único lance de perigo do Tricolor, conseguiu abrir o marcador. Em um contra-ataque rápido, Liziero cruzou para Vitor Bueno, que chegava fechando, e marcou o único gol da partida.

Foram apenas 4 finalizações de cada lado no primeiro tempo. A única finalização que foi no alvo do lado Tricolor foi o gol. O Athletico acertou o gol de Volpi duas vezes, mas não vazou o goleiro.

O segundo tempo não teve lá tantas mudanças. O Athletico continuava a ser bloqueado e tinha dificuldades de chegar ao ataque. A marcação forte do Tricolor, como já é marcante desse time de Cuca, impedia qualquer lance de perigo do Furacão. Com a vantagem no marcador, o São Paulo apostava nos contra-ataques, mas também não levou muito perigo ao gol de Santos.

Com a vitória, o Tricolor subiu para os 30 pontos e ocupa agora a 4ª colocação, empatado com Flamengo e Palmeiras, apenas dois atrás do Santos. O Athletico estagnou nos 22 pontos e ocupa a 8ª colocação. O São Paulo volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo (25), às 16h, contra o Vasco, fora de casa. O Furacão visita o Grêmio, no sábado (24), às 17h.

Ficha técnica Athletico x São Paulo

Athletico Paranaense

Santos; Madson, Pedro Henrique, Léo Pereira e Adriano; Wellington (Tómas Andrade), Bruno Guimarães e Nikão; Marcelo Cirino, Thonny Anderson (Vitinho) e Rony (Marco Ruben)

Técnico: Tiago Nunes

Cartões Amarelos: Wellington, Thonny Anderson e Bruno Guimarães

São Paulo

Tiago Volpi; Igor Vinícius, Anderson Martins, Arboleda e Reinaldo; Liziero (Léo), Tchê Tchê e Daniel Alves; Antony (Juanfran), Vitor Bueno (Willian Farias) e Raniel

Técnico: Cuca

Cartões Amarelos: Reinaldo e Arboleda