STJ nega habeas corpus para Allana Brittes em ‘caso Daniel’

  • Por Jovem Pan
  • 24/03/2019 14h26
ReproduçãoAllana (esq.) e a mãe, Cristiana Brittes, já tiveram pedidos de habeas corpus negados

O pedido de habeas corpus para Allan Brittes, ré no caso do jogador Daniel, foi negado novamente, agora pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). No começo do mês, a Justiça do Paraná já tinha negado a liberdade para ela, que é acusada de fraude processual e coação de testemunha.

Na decisão, o ministro Sebastião Reis Júnior negou o habeas corpus por entender que não há “constrangimento ilegal passível de ser afastado” pelo pedido de liberdade da defesa.

Ele também destacou que Allana era quem fazia o primeiro contato com as testemunhas para convencê-las a apresentarem outras versões da história diante da Justiça.

O assassinato de Daniel aconteceu durante a festa de 18 anos de Allana. O pai dela, Edison Brittes Jr., é assassino confesso. Além dele, o caso tem mais 6 reús. Ainda vão acontecer mais audiências do caso para determinar se o julgamento será feito em júri popular.