Times e ex-jogadores do São Paulo lamentam assassinato de Daniel

  • Por Jovem Pan
  • 29/10/2018 08h38 - Atualizado em 29/10/2018 08h44
Rubens Chiri/São Paulo FCDaniel jogou pelo São Paulo em 2015

A morte do meia Daniel chocou o mundo do futebol. O assassinado do jogador, revelado neste domingo (28), gerou uma série de manifestações, tanto de clubes quanto de jogadores.

Tudo começou quando a assessoria de imprensa de Daniel fez uma publicação no Twitter confirmando a morte dele em Curitiba. Por enquanto só há confirmação que ele foi vítima de golpes com armas brancas, mas há boatos de que ele foi encontrado com marcas de tortura, como pescoço e pênis cortados.

O São Bento, clube que Daniel defendia atualmente, divulgou uma nota de luto no Facebook.

Também surgiram manifestações de todos clubes por onde Daniel passou.

Depois, jogadores que atuaram com Daniel no São Paulo também lamentaram o ocorrido. Alan Kardec e João Schimdt fizeram publicações no feed. Já Pato e Calleri usaram os stories manifestar luto e pedir que o meia descanse em paz, respectivamente:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Hoje o dia amanhaceu mais triste, que pessoa do bem era você Dani, sem palavras pelo que aconteceu. Que Deus conforte sua familia e que Deus esteja com você irmão. ?

Uma publicação compartilhada por João Schmidt (@eujoaoschmidt) em