Torcedor morre após briga entre santistas e corintianos em Itaquaquecetuba

  • Por Estadão Conteúdo
  • 04/03/2018 18h54
Divulgação / Polícia Militar21 torcedores santistas foram detidos pela PM após briga em Itaquaquecetuba

O torcedor corintiano Danilo da Silva dos Santos, de 31 anos, morreu na tarde deste domingo, após uma briga com torcedores do Santos, em Itaquaquecetuba, na região metropolitana de São Paulo. A informação foi divulgada no final desta tarde pelo canal Globo News.

Danilo chegou a ser encaminhado ao hospital Santa Marcelina em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos. Outros quatro torcedores tiveram ferimentos leves e receberam atendimento médico.

Segundo informações da Polícia Militar, 21 santistas, integrantes de uma torcida organizada foram presos. Entre eles estão dois menores. Os santistas alegaram aos policiais que sofreram uma emboscada de torcedores corintianos quando se dirigiam para uma confraternização, antes do clássico entre os dois clubes, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista.

Na confusão, um carro e uma moto foram incendiados. Outro veículo, contendo uma caixa com um distintivo do Corinthians, acabou depredado. A Polícia Militar isolou a área e informou que os proprietários dos automóveis danificados ainda não registraram nenhum Boletim de Ocorrência.

Por causa da proibição da presença de torcedores de dois clubes em clássico realizados em São Paulo, o duelo deste domingo no Pacaembu ocorre com torcida única (do Santos, mandante deste confronto válido pela décima rodada do Paulistão).