Galo recebe o Santa Fé em jogo que vale liderança do grupo 2 da Libertadores

  • Por Agencia EFE
  • 25/02/2014 17h43

Belo Horizonte, 25 fev (EFE).- Atlético-MG e Independiente Santa Fé (COL) disputam a liderança do Grupo 2 da Taça Libertadores nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), no estádio Independência, em jogo válido pela segunda rodada da competição.

O Galo, que derrotou o Zamora (VEN) por 1 a 0 na primeira rodada e é o vice-líder da chave, vem de uma vitória por 3 a 2 sobre o América-MG no Campeonato Mineiro, em que brilharam os atacantes Jô e Diego Tardelli.

O camisa 7 do Atlético-MG, que foi convocado por Felipão para o amistoso contra a África do Sul, no dia 5 de março, em Johanesburgo, afirmou que o time já estuda o Santa Fe desde a última Libertadores.

“É uma equipe que acompanhamos desde o ano passado, quando eles disputaram a semifinal da Libertadores com o Olímpia” destacou Jô.

A única baixa no Galo é o zagueiro Réver, que se recupera de uma cirurgia no tornozelo esquerdo. Seu substituto é o argentino Nicolás Otamendi, que falhou feio em um dos gols sofridos na partida de domingo.

O Santa Fé, que bateu o Nacional (PAR) por 3 a 1 na primeira rodada, terá a estreia na competição do meia colombiano David Ferreira, que defendeu o Atlético-PR entre 2005 e 2007.

Seu companheiro no setor será o equatoriano Edison Méndez, que jogou no Atlético-MG em 2010. “Íntimo” do clube mineiro, o meia acredita que o jogo será difícil.

“O Atlético tem uma grande equipe, grandes líderes no campo e vai ser um jogo muito difícil para nós”, declarou.

O técnico do Santa Fé, Wilson Gutiérrez, expulso no primeira rodada, não poderá comandar sua equipe à beira do campo. Por outro lado, terá quase todos os titulares à sua disposição, exceto o lateral-direito Sergio Otálvaro, lesionado, e o meia venezuelano Luis Manuel Seijas, que cumpre suspensão.

None

Prováveis escalações:.

Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Nicolás Otamendi, Leonardo Silva e Jesús Dátolo; Pierre, Josué, Ronaldinho Gaúcho, Fernandinho e Diego Tardelli; Jô. Técnico: Paulo Autuori.

Independiente Santa Fe (COL): Camilo Vargas; Yulian Anchico, José Julián de la Cuesta, Francisco Meza, Luis Carlos Arias; Edison Méndez, Daniel Torres, Omar Pérez e David Ferreira; Wilder Medina e Jonathan Copete. Técnico: Wilson Gutiérrez.

Árbitro: Daniel Fedorczuk (URU), auxiliado pelos seus compatriotas Carlos Pastorino e Nicolás Tarán.

Estádio: Independência, em Belo Horizonte. EFE