Guerrero é confirmado na seleção peruana para enfrentar o Brasil

  • Por Agencia EFE
  • 07/11/2015 12h12

Guerrero crê que a seleção peruana está atrasada na preparação para a Copa América 2015

Paolo Guerrero

Sem marcar um gol pelo Flamengo desde a vitória sobre o São Paulo por 2 a 1, no dia 23 de agosto, o atacante Paolo Guerrero continua em alta com o técnico Ricardo Gareca, que nesta sexta-feira o convocou para os jogos contra Paraguai e Brasil pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Artilheiro das duas últimas edições da Copa América, Guerrero já marcou uma vez nesta edição da classificatória, na derrota para o Chile por 4 a 3 em Lima, em 13 de outubro. Na estreia, os peruanos perderam para a Colômbia por 2 a 0 em Barranquilla.

Além de Guerrero, Gareca chamou outros dois velhos conhecidos da torcida brasileira, os laterais Luis Advíncula, ex-jogador da Ponte Preta, e Yoshimar Yotún, com passagem pelo Vasco.

O Peru buscará a primeira vitória nestas Eliminatórias na próxima sexta-feira, contra o Paraguai, o Estádio Nacional de Lima. Quatro dias depois, a equipe estará em Salvador para encarar a seleção pentacampeã mundial na Arena Fonte Nova.

Confira a lista completa de convocados por Gareca

Goleiros: Pedro Gallese (Juan Áurich/PER), Diego Penny (Sporting Cristal/PER) e Salomón Libman (César Vallejo/PER).

Defensores: Édgar Villamarín (Melgar/PER), Jair Céspedes (Juan Áurich/PER), Christian Ramos (Juan Áurich/PER), Pedro Requena (César Vallejo/PER), Luis Advíncula (Bursaspor/TUR), Carlos Ascues (Wolfsburg/ALE), Juan Manuel Vargas (Betis/ESP), Yoshimar Yotún (Malmö/SUE) e Carlos Zambrano (Eintracht Frankfurt/ALE).

Meio-campistas: Edwin Retamoso (Real Garcilaso/PER), Josepmir Ballón (Sporting Cristal/PER), Carlos Lobatón (Sporting Cristal/PER), Joel Sánchez (San Martín/PER), André Carrillo (Sporting/POR), Christian Cueva (Toluca/MEX), Christopher González (Colo-Colo/CHI), Paolo Hurtado (Reading/ING) e Renato Tapia (Twente/HOL).

Atacante: Raúl Ruidiaz (Universitario/PER), Jefferson Farfán (Al Jazira/EAU), Paolo Guerrero (Flamengo), Claudio Pizarro (Werder Bremen/ALE) e Yordy Reyna (Red Bull Salzburg/AUT).