Guerrero reitera desejo de ficar no Timão, mas não descarta retorno à Europa

  • Por Jovem Pan
  • 03/10/2014 10h37

Atacante diz que o Timão tem seu estilo próprioGuerrero provoca São Paulo antes de clássico: "não jogou com times grandes"

O atacante Paolo Guerrero tem contrato com o Corinthians até julho de 2015 e viu a sua renovação de contrato ficar em segundo plano pela diretoria do clube. Após grandes atuações nas últimas partidas, inclusive no primeiro duelo das quartas de final da Copa do Brasil contra o Atlético-MG, quando marcou um dos gols da importante vitória por 2 a 0, na semana. Em entrevista coletiva, o peruano revelou que não se envolverá nas negociações e que nomeou o seu agente para resolver o seu futuro.

Querido pelos torcedores da Fiel, o camisa 9 garantiu que se sente muito bem vestindo a camisa do clube bicampeão mundial e deseja ficar. Com passagem pelo futebol alemão, o peruano contou que se não continuar no Timão, seu destino deve ser a Europa.

“Tenho contrato até o próximo ano. O que vai acontecer nesses meses eu não sei, não posso dizer. Eu, se não tenho a possibilidade de renovar, logicamente gostaria de ir para a Europa. Mas estou feliz aqui e gostaria de ficar. Quem decide não sou eu. Não passa por mim, mas sim pelo Corinthians, se vai querer ficar comigo”, explicou.

Após achar um representante legal para conversar com Edu Gaspar e Ronaldo Ximenes, o centroavante acredita que as duas partes já estão em negociação. Em dezembro, ele poderá assinar pré-contrato com qualquer clube, pois o acordo com os paulistas estará com apenas seis meses até seu fim.

“Eu falei que procuraria uma pessoa para ver isso, porque estava sem ninguém. Consegui essa pessoa, que já está em contato com os dirigentes do Corinthians. Acho que já estão conversando “, completou.