Há 10 anos, Tyson sofria nocaute e encerrava a carreira

  • Por Jovem Pan
  • 11/06/2015 11h38
Aos 48 anos

Há exatos 10 anos, um dos mais avassaladores pugilistas da história encerrava sua carreira. No dia 11 de junho de 2005, Mike Tyson enfrentou o irlandês Kevin McBride em sua última luta, em Washignton (EUA). Seu combate derradeiro, porém, não foi como esperado e o ex-campeão pesos-pesados acabou nocauteado.

Na época, com 38 anos, Tyson chegou ao combate com McBride depois de duas derrotas em três lutas. Após um ano sem lutar (o último confronto de Tyson acontecera em julho de 2004, na derrota para Danny Williams), o fim de carreira ruim de Tyson se confirmou no sexto round do combate com McBride, quando o irlandês nocauteou o americano e pôs fim a uma carreiras mais consagradas do boxe.

Mais jovem campeão dos pesos-pesados (conquistou o título em 1986, com 20 anos de idade), Mike Tyson encerrou a carreira com 58 lutas, 50 vitórias (44 por nocaute), 6 derrotas e dois combates sem resultados. 

Recentemente, Tyson revelou ter problemas com drogas e álcool. Polêmico e carismático, o ex-campeão promove lutas de boxe e é visto com frequência assistindo lutas, tanto de boxe quanto no UFC.