Hamilton volta a liderar treino livre e vê Vettel superar Rosberg no Canadá

  • Por Estadão Conteúdo
  • 10/06/2016 17h52
Lewis Hamilton

Depois de liderar o primeiro treino livre do GP do Canadá de Fórmula 1, Lewis Hamilton se manteve na frente na segunda sessão de trabalhos de pista do dia, no Circuito Gilles Villeneuve, em Montreal, ao cravar o expressivo tempo de 1min14s212, superior, inclusive, à marca que lhe garantiu a pole da prova canadense do ano passado, que foi de 1min14s393. 

Na caça ao líder do Mundial e seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg, o piloto inglês vem embalado pela vitória conquistada no GP de Mônaco, há menos de duas semanas, e assim desponta como favorito a conquistar a pole no treino de classificação para o grid, neste sábado, às 14 horas (de Brasília). 

E neste segundo treino livre Hamilton viu o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, conquistar a segunda posição com o tempo de 1min14s469, deixando para trás Rosberg, que depois de ser vice-líder pela manhã caiu para a terceira colocação na parte da tarde ao cravar 1min14s469 na sua melhor volta.

Já o brasileiro Felipe Massa, que no primeiro treino do dia destruiu a traseira de sua Williams ao bater na barreira de pneus após rodar na curva 1 do circuito canadense, mais uma vez não conseguiu andar rápido e terminou a sexta-feira na 13ª posição, com o tempo de 1min15s513. Horas mais cedo, quando conseguiu dar apenas sete voltas, havia ficado no modesto 14º lugar. Curiosamente, o brasileiro Felipe Nasr, da Sauber, repetiu a mesma 17ª posição do primeiro treino do dia ao cronometrar 1min16s582.

O holandês Max Verstappen, por sua vez, voltou a conquistar o quarto lugar com a sua Red Bull, desta vez com o tempo de 1min15s156, se posicionando logo à frente do australiano Daniel Ricciardo, seu companheiro de equipe, que andou muito próximo do jovem de 18 anos ao garantir o quinto lugar com 1min15s168.

O finlandês Valtteri Bottas, que já havia sido melhor do que o companheiro de Williams, Massa, na primeira parte do dia, foi outro que exibiu regularidade ao repetir o sexto lugar conquistado pela manhã. Ele cravou 1min15s213 e deixou para trás Jenson Button (ING/McLaren), Kimi Raikkonen (FIN/McLaren), Nico Hülkenberg (ALE/Force India) e Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso), que fecharam, nesta ordem, o grupo dos dez primeiros colocados. Fernando Alonso, em 11º com sua McLaren, caiu uma posição em relação ao treino da manhã.

Depois do treino de classificação deste sábado, a corrida de domingo terá largada às 15 horas (de Brasília), quando será realizada a sétima etapa deste Mundial de F1.