Jogadores dos Warriors se negam a visitar Trump na Casa Branca

  • Por Jovem Pan
  • 13/06/2017 16h11 - Atualizado em 29/06/2017 00h16

Warriors conquistaram o título da NBA ao fazer 4 a 1 na série contra o Cleveland Cavaliers

Warriors conquistaram o título da NBA ao fazer 4 a 1 na série contra o Cleveland Cavaliers

Os jogadores do Golden State Warriors, que se sagraram campeões da NBA na noite da última segunda-feira (12), decidiram de forma unânime que não farão o encontro com o presidente Donald Trump. A visita a Casa Branca é uma tradição dos esportes norte-americanos.

Principal astro dos Warriors, Stephen Curry já criticou publicamente Donald Trump, inclusive chamando-o de “estúpido”, gerando assim desconforto com um dos seus patrocinadores. Já Steve Kerr, treinador do time californiano, é uma das figuras públicas que mais fazem oposição a Trump.

Na ocasião do título de 2015, o time do Golden State Warriors fez a visita ao então presidente Barack Obama. O encontro também foi feito pelos campeões do ano passado, o Cleveland Cavaliers.

O elenco do Golden State Warriors não foi o primeiro a recusar o encontro com Trump. Apesar da amizade do quarterback Tom Brady com o presidente norte-americano, os jogadores do New England Patriots, campeões do Super Bowl em fevereiro, também se negaram a cumprir o protocolo em Washington.