“Jogo de teste”, diz Gilson Kleina após vitória com time misto

  • Por Jovem Pan
  • 10/03/2014 08h47
O técnico Gilson Kleina da S.E. Palmeiras em jogo contra a equipe do Paulista F.C. durante partida válida pela décima terceira rodada do Campeonato Paulista no estádio Benedito Teixeira (Teixeirão). São José do Rio Preto/SP, Brasil - 09/03/2014. Foto: Cesar Greco / FotoarenaKleina elogiou jogadores da base na vitória contra o Paulista

Com a classificação para as quartas de final e o primeiro lugar no grupo garantidos, o Palmeiras enfrentou o Paulista com time misto, e com gol de William Matheus, Miguel e Patrick Vieira garantiu a décima vitória no campeonato.

► Confira a tabela do Campeonato Paulista

Para Gilson Kleina, o resultado foi um teste para a sequência do ano. “Agora começam as fases finais do Paulista, a Copa do Brasil e, em seguida, o início do Campeonato Brasileiro. Serão meses importantes para a vida do Palmeiras e para nós”.

Na avaliação do treinador, o jogo foi difícil para o Palmeiras, que sofreu várias dificuldades. “Vi muitos jogadores se queixando depois que voltaram do aquecimento. Claro que tivemos problemas, pois somos uma equipe técnica. A equipe adversária deixava os nossos volantes jogar, e nós não estávamos sabendo aproveitar este espaço, tínhamos dificuldades de domínio. No segundo tempo corrigimos isso, conseguimos fazer e as coisas aconteceram. Tecnicamente a equipe do Palmeiras precisa desse recurso e isso dificulta, mas depois nos adaptamos ao gramado”.

Citando o time ao Barcelona, que sofreu contra o Valladolid mesmo com time titular, Kleina elogiou a evolução da equipe durante o jogo e também os jogadores da base. “Tivemos alguns problemas, oscilamos, mas depois conseguimos a vitória. O Vinicius começou a mostrar sinais de desgaste na hora que perdemos o Marcelo Oliveira. Sabíamos que precisávamos colocar o Victor Luis para recompor a defesa. Conversamos e deixamos o Vinicius no time, que foi um jogador importante para essa vitória. Ele fez jogadas importantes de gol. A categoria de base foi a grande diferença no segundo tempo”.

Na próxima rodada o Palmeiras enfrenta a Ponte Preta no Pacaembu, e no último jogo da primeira fase faz o clássico contra o Santos, jogo que deve definir quem será o primeiro colocado geral. O Verdão é líder do grupo D com 32 pontos.