Kroos vê injustiça em Messi ter ficado à frente de Neuer na Bola de Ouro

  • Por EFE
  • 14/01/2015 12h28

Kroos comemorou grande exibição contra o Brasil

Kroos comemora melhor partida da carreira

A Bola de Ouro da Fifa já foi entregue há dois dias, mas continua gerando polêmica, e a última delas aconteceu nesta quarta-feira, quando a emissora britânica “Sky Sports” divulgou uma entrevista do meia alemão Toni Kroos criticando o fato de o atacante Lionel Messi, e não o goleiro Manuel Neuer, ter sido o segundo colocado.

“É surpreendente e um pouco injusto que Manuel Neuer tenha terminado a votação atrás de Messi”, reclamou Kroos, que foi incluído no Fifa FIFPro World XI, a equipe ideal do ano para a entidade.

Cristiano Ronaldo foi eleito melhor jogador do mundo pela terceira vez na carreira na última segunda, com 37,66% dos votos de jornalistas, jogadores e técnicos das seleções filiadas à Fifa. Messi ficou em segundo, com 15,76%, apenas 0,04% de vantagem para Neuer, terceiro.

“Cristiano foi o melhor jogador de campo. A briga estava entre ele e Manuel, que também teria sido um justo vencedor. Mas Cristiano merece”, comentou o meia, nono colocado. “Pensei que seria uma votação mais apertada entre Manuel e Cristiano. Sem dúvida nenhuma, Manuel foi, de longe, o melhor goleiro de todos”, completou.