Leandro Castán é submetido a cirurgia para eliminar má formação no cérebro

  • Por Agência EFE
  • 03/12/2014 15h49
futebol

O zagueiro Leandro Castán, da Roma, foi submetido nesta quarta-feira a uma neurocirurgia para eliminar uma má formação próxima ao cerebelo, informou o clube da capital italiana, por meio de comunicado.

A operação foi realizada pelo médico italiano Giulio Maira e durou cerca de três horas e meia. O médico surprimiu um cavernoma, que é um grupo de vasos sanguíneos anômalos.

A Roma confirmou que o cavernoma foi completamente eliminado, conforme foi possível confirmar em ressonância magnética realizada imediatamente depois da cirurgia.

O brasileiro de 28 anos, que já vestiu as camisas de Atlético Mineiro e Corinthians, entre outros, ainda permanecerá por mais um dia na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do hospital em que está internado.