Luciano brilha, marca três e Corinthians goleia Goiás, de virada, por 5 a 2

  • Por Jovem Pan
  • 21/08/2014 21h28

Luciano marcou três gols e foi o grande responsável pela virada do Corinthians sobre o Goiás

Luciano comemora gol do Corinthians contra o Goiás

Depois de empatar com o Bahia em casa, na rodada passada, o Corinthians voltou a entrar em campo na noite desta quinta-feira (21), novamente em seus domínios, para medir forças com  Goiás. O Corinthians chegou a ficar duas vezes atrás do marcador, mas se portou bem dentro de campo e venceu a partida pelo placar de 5 a 2.

O Goiás abriu o placar no começo do primeiro tempo, em chute de Thiago Mendes, mas ainda na etapa inicial, Guerrero, de cabeça, deixou tudo igual para o clube de Parque São Jorge. No segundo tempo, Jackson voltou a colocar o Goiás em vantagem, mas pouco depois Elias deixou tudo igual novamente para o Corinthians. Foi então que brilhou a estrela de Luciano. O camisa 18, que entrou no intervalo, fez nada menos do que três gols e decretou a goleada alvinegra.

Com o resultado, o Corinthians chega aos 31 pontos e se mantém na caça ao líder Cruzeiro. Já o Goiás estaciona nos 20 pontos e segue na zona intermediária da tabela de classificação

O Corinthians volta a entrar em campo no domingo (24), às 16h (de Brasília), quando enfrenta o Grêmio, fora de casa, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS). Mais tarde, às 18h30, o Goiás recebe o Cruzeiro, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

O jogo – O Corinthians começou a partida tomando mais a iniciativa no ataque e parecia que iria pressionar o Goiás desde o início, mas foi o time visitante que abriu o placar em sua primeira oportunidade ofensiva. Aos dez minutos, David lançou Thiago Mendes em profundidade e em condição legal e o camisa 7 finalizou, tirando de Cássio, para fazer 1 a 0.

Depois de tomar o gol, o Corinthians assustou aos 14, quando Renato Augusto finalizou de fora da área e mandou a conclusão muito perto da meta defendida por Renan. Dois minutos depois, foi a vez de Jadson bater cruzado e Romero desviar no meio do caminho, em condição legal, quase fazendo o gol.

O Corinthians empatou o jogo aos 21 minutos. Após cobrança de escanteio de Jadson, o peruano Paolo Guerrero subiu mais do que a zaga e testou firme para fazer 1 a 1.

Após o empate, o Corinthians passou a dominar o confronto e teve chances de virar a partida ainda na etapa inicial, mas o goleiro Renan, do Goiás, apareceu muito bem e evitou o segundo gol. Aos 33, Elias partiu para cima e finalizou da entrada da área, mas o arqueiro esticou-se e fez a defesa.

Quatro minutos mais tarde, após cruzamento, Romero cabeceou firme, buscando o canto, mas Renan novamente apareceu muito bem e evitou o gol corintiano.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o Goiás equilibrou as ações e foi para os vestiários com o empate.

No começo do segundo tempo, aos sete minutos, o Goiás teve chance de fazer o segundo, em chute de Bruno Mineiro, mas o goleiro Renan defendeu e evitou que o Corinthians ficasse mais uma vez atrás no placar.

Minutos mais tarde, foi a vez de o Corinthians se aproximar do segundo gol. Aos 12, Luciano, que havia entrado no intervalo no lugar de Romero, recebeu belo passe e finalizou de canhota, mas pegou mal e mandou a bola pela linha de fundo. No lance seguinte, Elias cabeceou para o chão após cruzamento, a bola foi em direção ao gol, mas Renan desviou de leve e mandou para fora.

O Goiás voltou a ficar em vantagem aos 15. Após cobrança de falta de Lima, que levantou a bola na área, Jackson, em condição legal, cabeceou para o gol e não deu chances de defesa para Cássio: 2 a 1.

Mal deu tempo de a torcida esmeraldina comemorar e, aos 20, o Corinthians buscou a igualdade novamente. Depois de finalização de Renato Augusto, a bola desviou na zaga e sobrou para Elias no meio da área. Em condição legal, o camisa 7 só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo do gol.

O goleiro Renan voltou a aparecer bem em algumas oportunidades depois do segundo gol corintiano. Aos 24, Elias cabeceou após cruzamento, e Renan defendeu no reflexo com os pés.

Aos 28 minutos, foi a vez de Luciano bater forte cruzado e o camisa 1 do Goiás fez uma excelente defesa e mandou para escanteio.

Apesar dos gols perdidos por Luciano, a estrela do camisa 18 começou a brilhar pouco depois. Aos 32 minutos, após cobrança de falta do estreante Lodeiro, Luciano cabeceou bem e fez 3 a 2, virando o jogo para o Corinthians.

Aos 39, Luciano voltou a aparecer muito bem. Após passe de Jadson, ele livrou-se da marcação e bateu forte, rasteiro, para fazer o quarto do Timão e o seu segundo no jogo.

Com 43 minutos no cronômetro, Luciano fez jogada individual, errou, mas aproveitou falha da zaga do Goiás e a bola sobrou novamente para ele. Assim, Luciano só teve trabalho de empurrar na saída do goleiro Renan e selar a inesperada goleada.

A torcida corintiana comemorou muito na Arena, com gritos de olé. Uma noite bastante iluminada de Luciano e uma vitória maiúscula.