Maior campeão pós “Era Pelé”, Léo anuncia aposentadoria aos 38 anos

  • Por Jovem Pan
  • 24/04/2014 17h05
Pelé e Léo levantam a taça da Libertadores da América

O lateral-esquerdo Léo, um dos maiores ídolos recentes da torcida santista, anunciou a sua aposentadoria nesta quinta-feira (24) pelo seu perfil oficial no facebook. Maior campeão do clube depois da “Éra Pelé” com oito títulos conquistados, o atleta 38 agradeceu a torcida santista e aos companheiros durante toda sua trajetória como jogador profissional. Ainda no comunicado, Léo lamentou que a diretoria, juntamente com a comissão técnica, tenha optado por não renovar seu contrato que se encerra na próxima quarta-feira (30) e afirmou que, mesmo que se sinta em condições de atuar por mais tempo, não se vê vestindo a camisa de outro clube.

Em sua nota, Léo afirma que gostaria de ter sido “questionado dentro de campo e não em treinamentos”, cutucando a atual diretoria do Peixe. Mesmo longe dos gramados, ele garantiu que ainda procurará exercer “outra função dentro do futebol”. O Santos ainda não se pronunciou oficialmente sobre a decisão do atleta.

Com duas passagens pelo Santos, Léo conquistou Campeonato Paulista (2010, 2011 e 2012), Copa do Brasil (2010), Recopa Sul-Americana (2012), Campeonato Brasileiro (2002 e 2004) e Copa Libertadores (2011).

Confira comunicado na íntegra:

Durante reunião na tarde desta quinta-feira com membros do Comitê de Gestão do Santos, fui comunicado de que meu contrato com o clube, que se encerra no dia 30 deste mês, não será renovado, após decisão da comissão técnica e do Departamentode Futebol.

Recuperado de uma lesão no joelho, sofrida no final do ano passado, vinha trabalhando forte com o restante do elenco e exatamente agora estava muito próximo das minhas condições ideais.

Chego ao término do meu vínculo como atleta do Santos com a sensação do dever cumprido. Somando minhas duas passagens pela Vila Belmiro, foram dez anos e exatos 455 jogos em que sempre procurei dar o meu melhor em defesa do Alvinegro.

Estar na relação dos dez atletas que mais vezes vestiram a gloriosa camisa do Peixe, e ser o maior campeão após a Era Pelé, com oito títulos conquistados, é motivo de grande orgulho.

Mesmo me sentindo em condições de seguir jogando, não me vejo vestindo a camisa de outro clube. Queria ter sido questionado dentro de campo e não em treinamentos. Mas essa oportunidade não foi me dada. 

Por isso, anuncio que encerro aqui minha carreira como atleta.

Vou voltar meu foco para minha preparação visando seguir outra função dentro do futebol.

Quero agradecer a todos os que sempre estiveram ao meu lado em todos esses anos. Meus companheiros de elenco, treinadores, integrantes da comissão técnica, demais funcionários e jornalistas que acompanharam o dia-a-dia da equipe, pela amizade e respeito na convivência durante os treinos, viagens e jogos.

Meu agradecimento especial à grande nação santista. Afinal, foi por ela que disputei cada bola, vibrei com cada vitória e cada uma das grandes conquistas. E QUE FIQUE CLARO, MINHA HISTÓRIA E MEU AMOR AO SANTOS FC NÃO SE ENCERRAM AQUI! 

Muito obrigado e um abraço a todos.
SANTOS SEMPRE SANTOS!