Mano vê Corinthians consistente em vitória diante do líder e elogia Luciano

  • Por Jovem Pan
  • 09/10/2014 07h54
durante o jogo entre Cruzeiro/MG x Corinthians/SP, realizado esta noite no Mineirao, valido pela 27a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2014. Juiz: Leandro Pedro Vuaden - Belo Horizonte/MG/Brasil - 08/10/2014. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. CorinthiansMano Menezes comemora triunfo corintiano sobre Cruzeiro

Após bater o líder Cruzeiro em Minas Gerais e voltar a vencer fora de casa, o Corinthians ganhou fôlego na luta por uma vaga no G-4 do Campeonato Brasileiro. Em entrevista coletiva concedida depois da partida, o técnico Mano Menezes elogiou o “talismã” Luciano, que anotou o gol do triunfo alvinegro por 1 a 0. Além disso, o gaúcho destacou a consistência do time que, de acordo com ele, deixou o Mineirão em silêncio.

Sem vencer fora dos seus domínios desde agosto, quando bateu o Santos na Vila Belmiro, o Corinthians chegou aos 46 pontos, mesma pontuação do Grêmio, quarto colocado. “Há tempos não ganhávamos fora de casa. Hoje fomos maduros e, no início do segundo tempo, fizemos o estádio ficar em silêncio. Com méritos e taticamente bem postados, fomos premiados com o gol porque tivemos competência”, analisou o treinador. 

Muito contestado pela irregularidade corintiana na competição, Mano revelou que vem resolvendo os problemas da equipe com muita conversa. “As derrotas fazem parte de um aprendizado para equipes novas. Perdemos jogos em detalhes que não poderíamos. Conversamos sobre isso e aproveitamos o que fizemos bem feito em alguns momentos dessas derrotas. Só precisávamos corrigir alguns detalhes. E as vitórias fazem todos se sentirem mais fortes. Mesmo com ausências, jogamos um bom futebol. Porque para vencer o Cruzeiro hoje precisa jogar um bom futebol. E isso me deixa feliz”, afirmou. 

Sobre o jovem atacante Luciano, que saiu do banco para anotar o único gol da partida, Mano citou Pelé para elogiar seu atleta. “Dizemos que a bola procura o jogador, para falar a linguagem popular, que o torcedor entende. Mas quando a bola procura o jogador ele tem uma parcela importante: o posicionamento. A bola não procura à toa. Ela não procurou o Pelé mais de mil vezes e outros tantos jogadores por simpatia, mas sim porque estavam no lugar certo. O Luciano é um jogador que se posiciona bem. E define bem. O gol de hoje foi uma definição de alta qualidade. É comum bater forte naquela situação. E ele teve tranquilidade contra um goleiro da envergadura do Fábio e definiu bem”, exaltou.

Na próxima rodada, o Corinthians encara o Botafogo no sábado (11), em partida realizada na Arena Amazônia, ainda sem poder contar com o peruano Guerrero, que está à serviço da seleção de seu país. Questionado se Luciano ganhará vaga na equipe titular diante dos cariocas, Mano se esquivou. “Quando o jogador sai muito do banco e faz gols, normalmente ele não faz quando inicia. Temos uma viagem longa até Manaus. Vamos comemorar essa vitória e pensamos nisso depois”, finalizou.