Melhor do mundo joga no PSG e Espanha não foi campeã, diz Cantona; entenda

  • Por Jovem Pan
  • 14/04/2015 14h51
Cantona não fez média em entrevista coletiva na China

O francês Éric Cantona parou de jogar futebol há 18 anos e hoje atua como diretor de futebol no New York Cosmos. Entretanto, seu estilo polêmico continua em plena forma. Uma demonstração disso foi dada em entrevista coletiva no Prêmio Laureus Sports, em Xangai, na China. Para ele, nem Cristiano Ronaldo nem Messi são o melhor jogador do mundo.

“O melhor jogador do mundo é Pastore. Acompanhei duas partidas do Paris Saint-Germain só para vê-lo jogar. Tem qualquer coisa de especial. É capaz de fazer coisas que surpreendem sempre, de movimentos fantásticos”, disse o ex-atacante a respeito do meia argentino. “É o jogador que tem mais fantasia. Adoro esse tipo de atletas”.

O ídolo do Manchester United não parou por aí: para ele, não foi a Espanha quem venceu a Copa do Mundo de 2010. “A Catalunha ganhou o Mundial. A Espanha venceu com dez jogadores do Barcelona na equipe. A Espanha não ganhou o Mundial, a Catalunha ganhou. O Barcelona ganhou”, disparou. Na verdade, A Fúria entrou em campo na final contra a Holanda com sete jogadores do Barça, sendo seis deles formados nas categorias de base do clube.

Por fim, o francês deu seu apoio à candidatura de Luís Figo para a presidência da Fifa. “Sempre apoiarei quem foi jogador. Apoio Figo para ser presidente da Fifa. E me parece que (o atual presidente Joseph) Blatter não jogou futebol”, afirmou.