Mesmo aquém do esperado, Hulk valoriza público da Seleção em Nova Jersey

  • Por Lancepress
  • 06/09/2015 17h25
NOVA JERSEY (EUA), 05.09.2015 - BRASIL X COSTA RICA: Hulk comemora seu gol - Partida amistosa entre Brasil x Costa Rica, no estádio do NY Red Bulls. Foto: Wagner AZ/Frame/FolhapressPúblico para a partida contra a Costa Rica foi pouco maior que 19 mil pessoas

As frustrações recentes podem ter mexido com o torcedor. A Seleção Brasileira não conseguiu lotar um estádio com capacidade para 25 mil pessoas, em Nova Jersey. A situação pouco usual para os jogadores teve seu mérito, de acordo com o atacante Hulk, de bem com a vida principalmente pelo gol marcado que decretou a vitória sobre a Costa Rica.

“Onde o Brasil passa tem sempre lotação, mas nem sempre quantidade fala mais alto. A qualidade é o que importa, e os que compareceram estão de parabéns porque nos apoiaram o tempo inteiro”, destacou o atacante.

O amistoso preparatório para as Eliminatórias da Copa de 2018 contou com 19.146 presentes, no estádio do Red Bull. Levando-se em consideração que a torcida adversária era praticamente metade na arquibancada, os brasileiros ficaram em torno de 10 mil, muito pouco perto do que a Seleção já vivenciou nos Estados Unidos, desde 2007, quando passou a excursionar pelo país frequentemente.

Em Foxboro, por exemplo, no amistoso contra o México naquele ano, a partida contou com mais de 69 mil pessoas, sendo a grande maioria de brasileiros. E é com este histórico que o Brasil espera receber muito mais apoio nesta terça-feira, no mesmo Gillette Stadium. Mas a tarefa não será das mais simples, já que o adversário será os Estados Unidos, que vêm aumentando o interesse pelo esporte consideravelmente.