Mexicanos se hospedam em navio no Porto do Recife durante a Copa

  • Por Agencia EFE
  • 03/06/2014 20h15

Julia Arraes.

Recife, 3 jun (EFE).- Alguns dos torcedores mexicanos que estarão no Brasil durante a Copa do Mundo escolheram uma alternativa inusitada de acomodação: vão ficar em um navio-hotel atracado no Porto do Recife, durante os dias do Mundial.

São cerca de 3,5 mil pessoas, que chegarão de avião ao Aeroporto Internacional dos Guararapes e seguirão para o Terminal Marítimo de Passageiros (TMP) no dia 11 de junho.

O navio-hotel é um cruzeiro do tipo MSC Divina, que saiu de Miami no último dia 19 e deverá atracar em Salvador nesta quarta-feira. De lá, partirá para o Rio de Janeiro e terá como destino final o Recife, onde ficará a partir do dia 10.

Os mexicanos permanecerão hospedados no navio até o dia 26, mas irão de ônibus até Fortaleza e Natal para assistir aos jogos da seleção mexicana respectivamente nos dias 13, contra Camarões, e 17, diante do Brasil. A equipe do técnico Miguel Herrera enfrentará a Croácia, no dia 23 de junho, na Arena Pernambuco.

Durante o mês de março, os diretores da empresa mexicana Mundomex e executivos da brasileira Match Connections visitaram o Terminal Marítimo de Passageiros do Recife para verificar a infraestrutura do local.

O terminal foi inaugurado em outubro do ano passado e custou cerca de R$ 28 milhões, de acordo com os dados da prefeitura da capital pernambucana. Para o Presidente do Porto do Recife, Rogério Leão, os sete meses iniciais de funcionamento foram fundamentais para a preparação do local para o Mundial.

“Nosso novo Terminal Marítimo de Passageiros foi testado durante toda a temporada 2013/2014. Já passaram por ele cerca de 40 mil passageiros. Que venham os mexicanos”, declarou.

A escolha inusitada dos mexicanos não afetou a taxa de ocupação nos hotéis e pousadas da cidade, que ultrapassa os 80%. O índice está abaixo da expectativa inicial, mas é considerado positivo pelos empresários, ainda mais se comparada a outras cidades, como São Paulo e Cuiabá.

Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – Pernambuco (ABIH-PE), José Otávio de Meira, o número de reservas ainda deve subir mesmo depois do início dos jogos. “Nós conseguimos manter um bom índice, mesmo começando do zero, após o bloqueio da Fifa. E acreditamos que vai melhorar ainda mais”, previu.

Os aluguéis por temporada também têm sido uma alternativa para os turistas que passarão pelo país durante a Copa. Apesar de ainda não ser uma prática comum entre os brasileiros, alguns sites têm apresentado boas ofertas. No Recife, a diária de um apartamento para acomodar cinco pessoas está custando entre R$ 700 e R$ 1,5 mil.

A educadora Liz Ramos alugará o apartamento onde mora, em Boa Viagem, durante os dias do Mundial. Ela contou que quando morava em Olinda costumava fazer o mesmo no período do Carnaval e já está acostumada. “Vou tirar algumas coisas importantes e vou ficar na casa de uma amiga. Claro que eu estou fazendo pelo dinheiro, mas também acho legal essa ideia”, comentou. EFE