Mirando fim de jejum, Osvaldo quer São Paulo “ligado” contra Penapolense

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2014 11h40

Osvaldo Rubens Chiri/São Paulo FC/Divulgação Osvaldo e Muricy Ramalho

O São Paulo recebe o Penapolense nesta quarta-feira (26) tentando uma vaga na semifinal do Campeonato Paulista. O atacante Osvaldo está confiante na boa fase do Tricolor para avançar na competição e ir em busca de um título que não conquista desde 2005. Ele destacou a necessidade do time “entrar ligado” já que a fase de quartas-de-final é disputada em partida única. Pela vantagem de campanha na primeira fase, a equipe do técnico Muricy Ramalho mandará a partida no estádio do Morumbi.

► Confira a tabela do Campeonato Paulista

A Rádio Jovem Pan Transmite todas as emoções da partida São Paulo x Penapolense, válida pelas quartas de final do Campeonato Paulista, com narração de Rogério Assis, reportagens de Luis Carlos Quartarollo e Marcio Spimpolo e comentários de Flavio Prado e Fernando Sampaio. Intervalo e Fim de Jogo fica por conta de Wanderley Nogueira. Plantão Esportivo fica a cargo de Vander Luiz. O Jovem Pan Online também transmite todas as emoções minuto a minuto da partida. Para acompanhar o jogo, entre em www.jovempan.com.br a partir das 22h.

Com apenas uma derrota nos últimos oito jogos, Osvaldo disse confiar na ascensão são-paulina para chegar entre os quatro melhores do estadual. “Acho que a equipe está vivendo um momento especial. Estamos vindo de uma sequência muito boa. A importância de vencer o Paulistão é muito grande, não vencemos há tempos essa competição. Sabemos que a rivalidade em São Paulo é muito grande e vencer o torneio nos daria muita confiança para o resto do ano”, disse.

Como a decisão será em partida única, um erro grave pode ser díficil de reverter em 90 minutos. Em caso de empate, a vaga será definida por meio de cobranças de pênalti. “Precisamos entrar ligado desde o início. Ano passado, foi um confronto díficil contra eles. Precisamos jogar para frente e marcar o quanto antes”, pediu o atacante.

Questionado sobre atuar ao lado de Pabón e Luis Fabiano no ataque, Osvaldo elogiou a opção de Muricy Ramalho. “Com essa formação, o São Paulo cresceu bastante taticamente. Então precisamos continuar com a mesma pegada, sem menosprezar nenhum adversário”, finalizou.