“Monstro” do clássico, Danilo marcou nas últimas duas goleadas do Majestoso

  • Por Jovem Pan
  • 18/02/2015 11h37
Montagem Danilo - Corinthians x São Paulo

O meia Danilo, 35 anos, deve ser um dos principais personagens do primeiro clássico entre Corinthians e São Paulo na Copa Libertadores, nesta quarta-feira (18), em Itaquera. Isso porque o jogador tem grande história de conquistas com a camisa das duas equipes. Curiosamente, Danilo marcou nas duas últimas grandes goleadas da história do clássico, uma de cada lado. Com a camisa Tricolor, se destacou pelas ótimas atuações no título da Libertadores de 2005, enquanto pelo Timão também conquistou a América, além de ter ótimo retrospecto diante dos três grandes rivais do alvinegro.

A Jovem Pan transmite todas as emoções de Corinthians x São Paulo, pela primeira rodada do grupo 2 da Copa Libertadores, com narração de Nilson César, reportagens de Luis Carlos Quartarollo, Márcio Spimpolo e Fredy Júnior e comentários de Flávio Prado e Vampeta. Intervalo e Fim de Jogo ficam por conta de Wanderley Nogueira. Vander Luiz comanda o Plantão Esportivo. O Jovem Pan Online transmite, minuto a minuto, todos os lances da partida. Para acompanhar, acesse www.jovempan.com.br a partir das 22h. 

Depois de se destacar no Goiás comandado pelo técnico Cuca, Danilo chegou ao São Paulo em 2004 determinado a fazer história e conseguiu. Com a camisa Tricolor conquistou quatro importantes títulos: Campeonato Paulista, Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Mundial de Clubes. Conquistas que seriam repetidas com a camisa do rival Corinthians, clube no qual chegou em 2010, depois de quase três anos no futebol japonês.

Na história do Majestoso, Danilo tem um retrospecto incrível. Num total de 21 clássicos, o meia conta com 12 vitórias, 7 empates e apenas quatro derrotas. Defendendo o Tricolor, balançou a rede em quatro oportunidades. Do outro lado, com a camisa alvinegra, marcou cinco gols.

O nome de Danilo também está marcado nas últimas duas goleadas da história do clássico. Em 2005, no início do Campeonato Brasileiro, o São Paulo foi ao Pacaembu e massacrou o Corinthians de Daniel Passarela por 5 a 1, com um gol de Danilo, resultado que enfureceu a torcida e derrubou o técnico argentino do comando do rival. Seis anos depois, em 2011, o meia marcaria na goleada por 5 a 0 do Corinthians de Tite frente ao São Paulo de Carpegiani. Resta saber se o meia será protagonista, deste vez, no primeiro confronto válido pelo torneio continental.