Muito além do futebol: Chape e Nacional se encontram para celebrar a gratidão

  • Por Jovem Pan
  • 04/04/2017 12h55

Outdoors espalhados por Chapecó celebram a visita dos "irmãos" do Atlético Nacional

Outdoors espalhados por Chapecó celebram a visita dos "irmãos" do Atlético Nacional

Nesta terça-feira (04), acontece a partida de ida da Recopa Sul-Americana, jogo entre os campeões da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana do ano anterior. Porém, a edição deste ano, entre Chapecoense e Atlético Nacional, tem um significado muito maior que apenas um jogo de futebol.

Como está exposto na praça central de Chapecó, a partida desta noite representa a visita de um irmão, que expôs solidariedade e grandiosidade ao abrir mão do título da Sul-Americana em homenagem aos 71 que morreram em novembro do ano passado, enquanto viajavam para a final que nunca aconteceu.

Se há quatro meses, tanto a Arena Condá quanto o Atanasio Girardot, em Medellín, foram palcos de demonstrações inesquecíveis de comoção e compaixão, o tom do jogo desta terça é de agradecimento.

Uma amostra do carinho que a cidade de Chapecó tem pelos colombianos aconteceu na segunda-feira, durante o desembarque do Atlético Nacional no oeste catarinense. Com atletas da base chapecoense empunhando bandeiras, os “irmãos” do Atlético Nacional foram recebidos com honras e agraciados com a medalha de “campeão mundial da solidariedade”.

Antes do apito inicial, marcado para às 19h15, está prevista uma série de atividades na cidade, que teve feriado decretado pelo prefeito Luciano Buligon, acontecerá um abraço coletivo na Arena Condá e o “show da gratidão”, além de telão no lado de fora para quem quiser acompanhar o jogo, que já conta com ingressos esgotados.

Em campo, a Chapecoense quer mostrar que segue firme na sua reconstrução. O time lidera o segundo turno do Campeonato Catarinense, com cinco vitórias em seis jogos. Na Colômbia, o Atlético Nacional também lidera o campeonato local. Pela Libertadores, ambos tiveram por um começo difícil: a Chape foi derrotada na sua segunda partida, enquanto o atual campeão perdeu na estreia para o Barcelona de Guayaquil.