Muricy responde crítica de Ganso: “precisa participar mais do jogo”

  • Por Jovem Pan
  • 04/05/2014 11h39

Técnico disse que gostou da equipeMuricy responde críticas de Ganso

Com novo esquema de jogo, o São Paulo não passou de um empate contra o Coritiba, no Pacaembu, por 2 a 2 e Muricy Ramalho demonstrou a sua insatisfação com a falta de sorte do Tricolor na partida e comentou sobre as declarações de Paulo Henrique Ganso, que não gostou de iniciar o confronto no banco de reservas.

“Vivemos em uma democracia, e essa foi a opinião dele. Foi uma opinião tática. E aí é uma coisa que cabe ao técnico. Muitas vezes, ele é o titular do time, joga na ligação. Ele tem de fazer essa armação mesmo. Aliás, quando eu o colocar novamente, ele terá que jogar bem”, cobrou o técnico.

Sobre a nova formação que trouxe Pabon, Osvaldo, Pato e Luis Fabiano, o treinador disse ter gostado do que viu e que tem esperanças de ter um bom time para a sequência do torneio e da Copa do Brasil. “As duas formações se comportaram bem. Tivemos posse de bola e foi o jogo que mais criamos. Tivemos volume nos dois jogos, mas sofremos novamente um gol de bola parada. O time foi aguerrido, lutou até o final. Não estou decepcionado. Fiquei insatisfeito com o pouco que mostramos contra o Cruzeiro. O que mostramos hoje me dá a esperança de ter um bom time daqui para frente”, contou.

Questionado sobre o motivo de ter sacado o meia da equipe titular, Muricy explicou que não o cortou por castigo, mas porque achou que era a melhor opção para o momento e cobrou que ele seja mais participativo quando estiver entre os 11 iniciais.

“Não analiso jogador individualmente. Sabemos que ele é bom jogador. Hoje entrou bem, apareceu bastante. Ele sabe o que eu espero dele. Não saiu do time por castigo. Saiu porque o técnico achou que tinha de sair. Com certeza, ele precisa participar um pouco mais”, completou.

O Tricolor terá dois jogos complicados na próxima semana. O primeiro acontece na quarta-feira (7), no Pacaembu, contra o CRB, em partida válida pela Copa do Brasil. O time do Morumbi precisa de uma vitória simples para se classificar.

Já no domingo, o São Paulo terá o clássico contra o Corinthians, na Arena Barueri, às 16h.