Murray passa fácil por Nadal, é bi em Madri e conquista 2º título no saibro

  • Por Agencia EFE
  • 14/05/2015 16h03

Madri, 10 mai (EFE).- O britânico Andy Murray calou a torcida na Caixa Mágica e conquistou neste domingo o título do Masters 1000 de Madri pela segunda vez na carreira, a primeira no saibro, ao vencer o espanhol Rafael Nadal por 2 sets a 0, com parciais de 6-3 e 6-2, em apenas 1h28min de partida.

Sem um título sequer na terra batida até uma semana atrás, Murray venceu logo dois torneios seguido nessa superfície. Depois de ter levantado o troféu do ATP 250 de Munique na última segunda-feira e agora do torneio na capital espanhola, onde já havia se sagrado campeão, em 2008, na última edição da competição em quadra rápida.

O segredo do escocês foi começar de forma fulminante nos dois sets. No primeiro, o atual terceiro colocado do ranking mundial venceu oito dos nove primeiros pontos disputados e abriu 2-0. Nadal teve break points no sexto e no oitavo games para devolver a quebra sofrida, mas não conseguiu e perdeu por 6-3.

Na segunda parcial, Murray foi ainda mais efetivo, aproveitou-se da irregularidade do adversário e abriu 4-0. A partir daí, foi necessário apenas administrar até fechar em 6-2.

Após a vitória, ao assinar a câmera, como é tradição no tênis, o número 3 do mundo escreveu “marriage works” (“casamento funciona”), brincando com o fato de estar invicto desde que se casou com Kim Sears, no mês passado. Desde então, ele disputou nove partidas e levou a melhor em todas, obtendo o décimo título de Masters 1000 da carreira.

Já Nadal vem em queda e nesta segunda-feira cairá para o sétimo lugar do ranking, sua pior posição desde maio de 2005, quando tinha apenas 18 anos e ainda não havia conquistado nenhum de seus nove títulos de Roland Garros. EFE