Nadal aumenta vantagem na liderança de ranking; Nishikori faz história

  • Por EFE
  • 12/05/2014 06h32
Nadal vence Nishikori e é tetracampeão no Masters de Madri

Campeão do Masters 1000 de Madri neste domingo, Rafael Nadal chegou ao seu 63º título como profissional e aumentou ainda mais seu vitorioso currículo. E, nesta segunda-feira, o atleta recebeu outra boa notícia. Em atualização divulgada pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), o espanhol apareceu pela 32ª semana consecutiva na liderança do ranking mundial, agora com 1.870 pontos de vantagem (12.900 a 11.030) sobre o segundo colocado, Novak Djokovic.

Aos 27 anos, Nadal entrou em quadra no torneio de seu país buscando defender os mil pontos conquistados com o troféu da última temporada. Após sucumbir no primeiro quarto na final diante do japonês Kei Nishikori, o espanhol triunfou na parcial seguinte e, no set derradeiro, contou com abandono do adversário para garantir o título.

A principal mudança no Top 10, inclusive, foi a entrada de Nishikori. Com o vice-campeonato em Madri, o competidor asiático subiu três posições e assumiu a nona colocação, sendo o primeiro japonês da história a estrar entre os dez melhores tenistas do planeta. O norte-americano John Isner, por sua vez, acabou deixando o grupo, caindo para 11ª colocação.

Entre os brasileiros, quem está melhor é Thomaz Bellucci. Mesmo fora da disputa em território espanhol, o paulista conquistou duas posições e agora é o 109º colocado, enquanto João Feijão Souza (147º) e Rogério Dutra Silva (176º) completam o grupo de atletas nacionais entre os 200 melhores do mundo.

Confira os dez primeiros colocados do ranking da ATP:

1. Rafael Nadal (ESP) 12.900 pontos.
2. Novak Djokovic (SER) 11.030.
3. Stanislas Wawrinka (SUI) 5.785.
4. Roger Federer (SUI) 5.715.
5. David Ferrer (ESP) 5.030.
6. Tomas Berdych (RTC) 4.600.
7. Juan Martín del Potro (ARG) 4.215.
8. Andy Murray (GBR) 3.950.
9. Kei Nishikori (JAP) 2.860.
10. Milos Raonic (CAN) 2.625.