Nadal espera duelo difícil com o Brasil e se coloca à disposição

  • Por Agência EFE
  • 08/04/2014 14h45

Rafael Nadal declarou que o confronto com o Brasil na Davis será complicado e se colocou à disposição da Espanha

O espanhol Rafael Nadal em entrevista coletiva

Se no Brasil todos lamentaram que o duelo de repescagem por um lugar no Grupo Mundial da Copa Davis será contra a Espanha, definido em sorteio nesta terça-feira, o principal tenista da equipe adversária, Rafael Nadal, não espera ter vida fácil e disse estar à disposição do capitão Carlos Moyá para participar do confronto.

“Os brasileiros são bons jogadores, será uma eliminatória complicada. Temos que esperar para saber em qual superfície jogaremos. Mas os brasileiros gostam, pelo estilo, de jogar em quadras de saibro ou normais, como nós, espanhóis”, analisou o número 1 do mundo, que acredita que participará da eliminatória.

“Se não acontecer algo estranho, estarei no Brasil. Se me quiserem, claro”, brincou.

Campeão do Brasil Open em 2005, na Costa do Sauípe, e em 2013, em São Paulo, e do Rio Open deste ano, Nadal já conhece bem a torcida brasileira. Ele lembrou que sempre foi bem recebido, mas ressaltou que desta vez o público será 100% desfavorável.

“Jogar fora de casa nunca é bom, sempre é preciso sofrer. O público brasileiro empurrará os jogadores. Mas estive lá três vezes e sempre fui bem recebido”, finalizou.